Kiko Loureiro foi o brasileiro no Grammy

kiko

A maioria das pessoas que acompanhou já na madrugada deste domingo para a segunda-feira a transmissão do Grammy pela TNT pode não ter percebido a presença de um brasileiro ao receber a estatueta na categoria “Melhor Performance de Metal”. Foi do guitarrista Kiko Loureiro, que desde 2015 faz parte do Megadeth de Dave Mustaine. Ele esteve ao lado do líder da banda, de David Ellefson (baixo) e Dirk Verbeuren (bateria), ao serem premiados por “Dystopia”.

O trabalho cultuado desde lançado concorreu com dos grupos Baroness, Gojira, Korn e Periphery.

Kiko Loureiro é conhecido no Brasil desde que participou no início da década de 90 da fundação da banda de heavy metal melódico Angra, que teve que deixar ao ingressar no Megadeth. Após ter gravado “Dystopia”, o músico está sendo considerado um dos melhores guitarristas que passou pelo grupo, ao lado de lendas como Marty Friedman, que esteve na banda na fase clássica.

Gafe

A gafe da noite aconteceu justamente com o Megadeth. Ao receber a premiação, foi tocada a canção “Master of Puppets”, dos rivais do Metallica: banda que Dave Mustaine foi expulso no início de carreira ainda na década de 1980.