Avião cai e deixa dois mortos em Tangará da Serra (MT)

Foto: Reprodução / WhatsApp
Foto: Reprodução / WhatsApp

Um avião monomotor caiu em Tangará da Serra, no Mato Grosso (MT), na tarde desta quinta-feira (5). Entre os tripulantes estavam o empresário e ex-presidente da Associação Comercial e Industrial de Cascavel (Acic) José Torres Sobrinho, a esposa Solésia Stringari Torres, a filha Gabriela o genro Fábio Brandalise.

De acordo com a imprensa local, o monomotor Cessna Aircraft caiu a cerca de 200 metros do aeródromo da cidade. O acidente teria sido provocado por um fio de alta tensão. A aeronave teria tocado o fio, o piloto perdeu o controle e o avião caiu de bico. O monomotor ficou com o trem de pouso para cima.

Uma câmera de segurança flagrou o momento em que o avião toca o fio de alta tensão. No vídeo, é possível ver a aeronave se preparando para pousar e o clarão quando atinge a rede de alta tensão. Em seguida, ela cai de bico no chão. Veja:

Após o acidente, o Corpo de Bombeiros e Polícia Militar foram acionados. Torres e a esposa morreram no local. A filha e o genro foram socorridos e conduzidos ao Hospital Municipal de Tangará da Serra pelo Samu.

Torres era piloto há cerca de cinco anos e faria 60 anos na próxima terça-feira (10). Ele atuava nos ramos de seguros, construção civil e também tinha negócios nas áreas agrícola e pecuária.

“Lamentamos profundamente a morte trágica do empresário e ex-presidente da Acic, José Torres Sobrinho, e da esposa Solesia Stringari Torres, em acidente aéreo ocorrido na tarde de hoje [5]. Cascavel perde não apenas uma liderança empresarial importante, mas um homem público que contribuiu com o desenvolvimento da cidade e deixou um legado positivo de dedicação, empenho e luta pelas boas causas de Cascavel”, diz a Secretaria de Comunicação de Cascavel em nota.