Escolas testam aplicativo de comunicação com pais em Maringá

Mariana Ohde

Por Rosângela Gris, Metro Maringá

Tornar os processos de comunicação entre escola e famílias mais efetivos. Essa é a proposta do aplicativo de celular que deve começar a ser testado na rede municipal de ensino de Maringá no próximo mês. O app foi escolhido por meio de um edital de fomento à inovação, lançado em 2017 pela Seide (Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico).

“O edital de caráter inovador apresentava uma demanda da Secretaria de Educação, sem especificar o serviço ou produto a ser contratado.

A ideia era que as empresas interessadas apresentassem uma solução para o problema. Entre as propostas apresentadas selecionamos o aplicativo”, explica o diretor de Inovação e Tecnologia da Seide, Franz Wagner Dal Belo. Segundo ele, o aplicativo escolhido foi desenvolvido por uma empresa de Maringá, cujo nome será anunciado amanhã no Diário Oficial.


“Vamos divulgar a proposta vencedora na sexta-feira e assinar o convênio na próxima semana. Depois há trâmites burocráticos a serem cumpridos, mas acreditamos que até a segunda quinzena de março o aplicativo já deve estar disponível, gratuitamente, nos sistemas IOS e Android”, diz Dal Belo, acrescentando que a fase de teste será feita sem custo ao município.

“Se ficar comprovada a viabilidade desta ferramenta, após a fase de teste será aberta a licitação para contratação do software”. O aplicativo tem como finalidade o envio de comunicados e mensagens da escola para os pais e vice-versa.

“Hoje os professores escrevem os recados na agenda. Porém nem todos leem as agendas, mas a maioria acessa o celular”, argumenta o diretor. O projeto piloto será implantado em dois centros municipais de educação infantil: Noêmia Kotsifas e Lia Sambatti.

A fase de teste pode durar até um ano, porém a expectativa é que antes disso o app seja testado também em outras escolas e creches do município.

Post anteriorPróximo post
Comentários de Facebook