População do município Primeiro de Maio terá novas eleições

Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr
Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr

A população do município Primeiro de Maio, no norte do Paraná, vai voltar às urnas para novas eleições.

A determinação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ocorreu após o prefeito que venceu as eleições, Mário Casanova do PP, ter a candidatura impugnada pela Justiça Eleitoral do Paraná.

Ele ficou inelegível após ser condenado em uma ação de improbidade administrativa porque se filiou ao partido fora do prazo legal. Os votos dele foram invalidados e ele não pode assumir o cargo.

O novo calendário eleitoral, com prazo para registro de candidaturas, campanha eleitoral e votação ainda será divulgado pelo Tribunal Regional Eleitoral.

O vereador Paulo Teodoro Fernandes Junior assume como prefeito interino da cidade até a nova eleição.

Os advogados de Casanova afirmaram que vão entrar com recurso contra a decisão.