Perseverança

sea-waves-splashes-stones

A poetisa Gabriela Mistral escreveu este trecho: “dai-me Senhor a perseverança das ondas do mar, que fazem de cada recuo um ponto de partida para um novo avanço”.
A natureza nos dá muitas lições de perseverança e de como lidar com as adversidades. Eu diria, com as oportunidades de nos tornarmos melhores.
Problemas, todos temos, de diferentes espécies. Não conheço ninguém que não tenha provas e desafios a enfrentar.
E sempre tive em mente que, se temos grandes provas é porque também fomos feitos suficientemente grandes para suportá-las.
Nossas convicções não têm idade. A pele se enruga, o cabelo se torna branco, os dias se convertem em anos, mas o mais importante não pode mudar: nossa força interior.
Por isso, amigo ouvinte, continue, mesmo quando todos esperem que abandone a luta. Não deixe que se enferruje o ferro que há em você. Não desanime. Quando nada é certo, tudo é possível!
Aprenda com as primaveras a se deixar cortar para poder voltar inteiro. Perceba que somente aquele cai pode dar aos demais o maravilhoso exemplo de se levantar novamente.
Desafio a gente enfrenta, vida a gente inventa e caminho a gente acha.
E lembre: você não pode prever o futuro, nem escolher como ou quando vai morrer. Mas você pode decidir como vai viver agora.

Consultas sobre finanças e previdência: (41) 3013-1483.