Fusão de municípios é a proposta do TCE ao TCU

ivan bonilha

 

Antes de entregar o cargo ao Conselheiro Durval Amaral, o presidente do Tribunal de Contas do Estado do Paraná, conselheiro Ivan Bonilha, apresentou ao Tribunal de Contas da União, em Brasília, estudo realizado pela corte de contas paranaense que prevê a fusão de municípios como forma de melhorar a prestação dos serviços públicos à população e promover economia de recursos públicos. Municípios com população inferior a 5 mil habitantes (1.301 em todo o país, 96 dos 399 municípios paranaenses) tendem a não apresentar condições mínimas para prestar os serviços básicos ao cidadão – como saúde e educação –, mostra o trabalho.

A fusão representaria um ganho de escala, com o aumento da população, além da redução de cargos políticos, aumento da poupança dos cofres públicos, maior independência financeira e dinamismo econômico municipal.