A república está em chamas e país vira esgoto do planeta

is

 

Só resta a Michel Temer, a renúncia. Ao presidente do PSDB, senador Aécio Neves, a prisão. Rodrigo Rocha Loures deve renunciar ao cargo e se mudar do Estado para não envergonhar ainda mais os paranaenses que já penalizam com denúncias de corrupção contra a também paranaense, senadora Gleisi Hoffmann. Será, também, o fim do mundo se o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, assumir o Palácio do Planalto pois pesa sobre seus ombros denúncias de corrupção na Operação Lava Jato.

Quem afirmou que a Operação Lava Jato estaria com os dias contados, errou. E feio. Lula também está com seus dias contados ainda mais depois que encontraram ligações e anotações suas com executivos da Petrobras, foco da corrupção no Brasil. A expectativa será a delação de Antonio Palocci que poderá colocar o ex-chefe da nação em situação mais delicada.

Sim, a pradaria está em chamas, enquanto os incendiários se reúnem em gabinetes para tentar achar bombeiros de plantão. As denúncias feitas pelos donos da JBS em delação premiada e munidas de provas – áudio e vídeo – colocam o presidente da República em xeque como conivente ao pagamento de propina em troca do silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha, preso em Curitiba. Vergonha nacional

A nação brasileira, infelizmente, está sem rumo. Resta, agora, ao povo a calma necessária para analisar os fatos e ver o que será melhor para todos. Momento especial para oposição e situação darem as mãos e saírem às ruas não para embate, violência, mas para lutar pelos direitos de cidadania em defesa de um país que já foi exemplo de democracia e agora se transformou no esgoto do planeta.