Leilão de joias de Fernandinho Beira-Mar arrecada R$ 75 mil

Imagem ilustrativa

O leilão da Secretaria Nacional de Políticas Sobre Drogas (Senad) das joias que pertenciam ao traficante Luiz Fernando da Costa, conhecido como Fernandinho Beira-Mar, e da mulher dele, Jaqueline Alcântara de Moraes, arrecadou mais de R$ 75 mil. Os itens foram arrematados na quinta-feira (28), em Curitiba.

Os bens, avaliados em cerca de R$ 48,6 mil, foram apreendidos durante a Operação Fênix. Beira-Mar foi condenado a 320 anos de prisão por tráfico de drogas, associação criminosa e homicídios e está preso no Presídio Federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte.

O leilão foi feito pela Senad, com apoio da Secretaria de Estado da Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná (Sesp), representadas pela Comissão Especial de Licitação de Bens do Fundo Nacional Antidrogas (Funad).

> Joias de Fernandinho Beira-Mar e família são leiloadas em Curitiba

Avião

No ano passado, um avião de Beira-Mar, Falcão 06 – Baron, apreendido e que hoje integra a frota do Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA) para ações de resgate, foi usado para salvar a vida de uma recém-nascida com complicações renais em Cornélio Procópio, no norte do Paraná. A aeronave foi doada para operações de segurança pública pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

> Avião que pertencia a Fernandinho Beira Mar ajuda a salvar vida de bebê no Paraná