Centro de Curitiba é tomado por zumbis

Foto de Rodolfo Buhrer / Paraná Portal
Foto de Rodolfo Buhrer / Paraná Portal

Para ser zumbi em Curitiba, não pode ter medo de tempo ruim. A chuva que insiste em atrapalhar o domingo de carnaval na capital paranaense não impediu a concentração de mais de 2 mil zumbis na Praça Osório, no centro da cidade para a já tradicional Zombie Walk, a marcha dos zumbis.

Uma brincadeira com começou em 2009, para satirizar o clima de “cidade morta” na capital paranaense durante o carnaval. A marcha foi crescendo a cada ano a ponto de se tornar uma das mais tradicionais ações da semana de folia na idade.

Se nos primeiros anos, uma simples máscara ou mesmo ataduras para se fantasiar de múmia era suficiente para entrar na brincadeira, a cada edição os participantes vêm caprichando mais em suas caracterizações para a Zombie Walk. Neste ano, até uma barraca para fazer o make na hora em “foliões” despreparados foi disponibilizado no local. A maquiagem custa R$ 25,00.

Concentrados desde às 12h na Praça Osório, os zumbis seguiram “vagando” pelo centro da cidade em direção à Praça Nossa Senhora de Salete, no Centro Cívico, onde são esperados por bandas locais com nome, figurino e repertório condizentes com a festa: Necrotério; Nekromonsters; Grimpha; Ovos Presley; e Confraria da Costa.