Em meio a crise e regulamentação do Uber, taxistas se unem para criar mega central

taxistas
Foto: Luiz Costa/SMCS(arquivo)
Da BandNews Curitiba

Em meio a um período de crise econômica e discussões sobre a regulamentação do Uber na capital, três associações de táxi resolveram se unir e criar uma mega central para atender os curitibanos. A ideia é reduzir custos de operação e oferecer benefícios aos clientes. A unificação deve cortar pela metade os custos para os taxistas, a vantagem deve ser passada para os usuários na forma de descontos, promoções e sorteios de brindes, como explica o presidente da Táxi Capital, Alexandre Souza.

“Vamos fazer promoções, descontos para os nossos clientes. Corridas premiadas e brindes como celulares e TV. Vamos entrar forte no mercado de Curitiba para a população vir conhecer o nosso serviço”, afirmou.

As associações Sereia, Capital e Curitiba concentram mais de mil motoristas, o que representa um terço da frota de táxis de Curitiba. A medida já foi aprovada pelos conselhos deliberativos das três centrais, e ainda deve passar por assembleias de cada uma das associações. A intenção é que o serviço esteja disponível a partir de março. As solicitações de corrida poderão ser feitas pela central telefônica e aplicativo. Outro diferencial é que os clientes curitibanos, que estiverem em outros estados, poderão utilizar o mesmo aplicativo para solicitar uma corrida, com cooperativas parceiras.

“Nós vamos ter uma plataforma a nível brasil. Pelo mesmo aplicativo o usuário vai poder solicitar serviço de vários de nossos parceiros”, disse.

Os taxistas também devem passar por cursos de capacitação com o objetivo de melhorar o atendimento aos clientes.