Monumentos da Praça 19, do ‘Homem Nu’, recebem limpeza das pichações

Obras foram inauguradas em 19 de dezembro de 1953. [foto: divulgação]
Obras foram inauguradas em 19 de dezembro de 1953. [foto: divulgação]
Com Metro Jornal

Marco centenário da emancipação do Paraná, a Praça 19 de Dezembro – também conhecida como Praça do Homem Nu – está passando por uma remoção de pichações que deve durar até a próxima quarta-feira (23).

A ação é uma parceria da prefeitura com a ACP (Associação Comercial do Paraná), que entrou em contato com algumas empresas para o fornecimento de equipamentos e material de limpeza dos monumentos. O trabalho em si está sendo feito por uma equipe da Coordenação de Preservação e Conservação de Acervos da Fundação Cultural de Curitiba.

A remoção de tinta spray teve início pelo painel de azulejos do artista curitibano Poty Lazzarotto, que fica na face leste (Rua Riachuelo) e representa a evolução política do Estado. A limpeza também abrange o lado oposto (Rua Barão do Cerro Azul) do painel em granito, executado em relevo pelo também paranaense Erbo Stenzel, que representa os ciclos econômicos do Estado, bem como o Obelisco e o Homem Nu (trabalhador paranaense emancipado sem medo do futuro).

A Mulher Nua (estátua da Justiça), de autoria do paulista Humberto Cozzo, também será restaurada. Para remover os resíduos de pintura e pichação estão sendo usados vários produtos sustentáveis e que não danificam a matéria-prima original cedidos pela empresa Vonder, como o removedor de multipichação, o limpador desincrustante e o impermeabilizante água, óleo, pichações e fuligem – este último deve prevenir novas pichações.

Na última sexta-feira (11) os técnicos fizeram a demonstração de uso dos produtos e equipamentos. A ação retoma a campanha lançada pela ACP há quatro anos: “Pichação é crime. Denuncie”. Segundo o Presidente da ACP, Gláucio Geara, há comerciantes que arcam com prejuízos mensais de R$ 2 mil só para manutenção das fachadas das portas das lojas.
No mês passado foi feito um mutirão de limpeza no Centro.

Denúncia
As denúncias envolvendo pichações e vandalismo a qualquer equipamento público devem ser feitas pelo telefone 153 (Guarda Municipal). A multa para quem for flagrado pichando em Curitiba é de R$ 1.993,96.