Dourado marca na estreia, Fla bate Botafogo com sobras e vai à final

Foto de Gilvan de Souza /Flamengo
Foto de Gilvan de Souza /Flamengo

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) – O Flamengo não tomou conhecimento e venceu o Botafogo por 3 a 1 neste sábado (10), no estádio Raulino Oliveira, em Volta Redonda.
O Flamengo dominou inteiramente o jogo durante os 90min da partida. Henrique Dourado teve grande estreia e deixou sua marca logo no primeiro. Everton e Vinicius Jr completaram e viram Kieza descontar para o clube de General Severiano.
Agora, o Flamengo encara o Boavista na final da Taça Guanabara. Embora ainda não seja oficial, o duelo deverá ser no Nilton Santos (Engenhão), no próximo domingo. O Rubro-negro tem a vantagem do empate.
A vexatória eliminação na Copa do Brasil para a Aparecidense não passou batida. A partir do aquecimento, os torcedores do Flamengo pegaram no pé dos jogadores botafoguenses e gritaram “eliminados” algumas vezes.
Com jogadores melhores e com time melhor treinador, o clássico ficou muito bem definido com a predominância do Flamengo. A pressão era muito grande e o gol parecia questão de tempo. Lucas Paquetá chegou muito próximo e acertou o travessão de Jefferson em belíssima cobrança de falta.
Estava desenhado: o gol do Flamengo seria em uma jogada de bola parada. Foram pelo menos quatro tentativas e todas levaram muito perigo ao gol de Jefferson. Nas três primeiras, Dourado levou vantagem sobre Brenner, mas pecou na finalização. Everton, na primeira oportunidade, aproveitou falha de Arnaldo e abriu o placar para o Rubro-negro.
A ampla superioridade do Flamengo seguiu após o time abrir o placar. O Botafogo não conseguia ficar com a bola e sofria para tentar marcar o rival. Pará quase ampliou em chute de longe. Everton, por sua vez, quase fez o segundo dele na partida, mas pecou na finalização.
A volta do intervalo não mudou em nada o panorama do jogo. E para desespero do Botafogo, o Flamengo foi eficiente. Em grande jogada coletiva, o time tocou de pé em pé até chegar a Henrique Dourado, que teve apenas o trabalho de empurrar para o fundo das redes. um jogo, uma ‘ceifada’.
Contratado para ser o camisa 9 do time, Kieza tem ficado no banco pro opção de Felipe Conceição. Nos poucos minutos que teve em campo, mostrou ter condições de assumir a titularidade. Em jogada de Renatinho, que também está entre os reservas, o centroavante ganhou em velocidade e finalizou com força para estufar as redes.
Com o jogo já decidido, Vinicius Jr aproveitou os minutos restantes para fazer seu gol. Após balançar as redes, ele provocou o Botafogo com o gesto do “chororô”. Imediatamente os jogadores do Alvinegro partiram para cima do jovem atacante do Rubro-negro, que teve quer ser defendido por companheiros.