Ex-corintiano Tupãzinho chega ao Maringá e clube fica dividido

Reprodução
Reprodução

Em meio a uma briga de grupos políticos na diretoria do Grêmio Maringá, o ex-jogador do Corinthians, Tupãzinho, foi anunciado na quinta-feira (5) como o mais novo técnico da equipe para a disputa da Série B do Paranaense 2017. Com a chegada do ex-atleta, o Grêmio tem de forma não oficial duas comissões técnicas por causa da briga judicial que envolve dois grupos políticos em campos opostos.

Por causa de uma briga entre o atual presidente, Aurélio Almeida e o ex-presidente do clube, Davi Kadu, a outra comissão tem André Astorga (diretor de futebol), Marquinhos Paraná (Supervisor de futebol) e Rafael Andrade (treinador).

Apesar disso, o ex-craque mostrou otimismo em seu primeiro contato com a imprensa. “Já mantivemos contatos com alguns jogadores que, muito em breve, chegam à cidade para iniciarmos os treinamentos. E, claro, o nosso objetivo é formar uma equipe competitiva para ´buscar´ o acesso à Primeira Divisão, comentou o atleta”.

O técnico chegou com o respaldo e indicação do diretor de Futebol Joniel Piassa (Magrão), gerente de Futebol Dirceu Matos, ex-jogador do Atlético-PR, o presidente Aurélio Almeida, Ricardo Maia, além de Gerson Lente e Ademar Scarpeline, assistentes técnicos.