Após ser afastado por indisciplina, Felipe Gedoz retorna ao Atlético

Foto: Marco Oliveira - Site Oficial CAP
Foto: Marco Oliveira - Site Oficial CAP

O meia-atacante Felipe Gedoz a atuar pelo Atlético-PR neste domingo (10), diante do Coritiba, na Arena da Baixada. O jogador estava há mais de um mês fora da equipe, voltou e fez o gol que garantiu o empate com o rival.

Apesar do bom tempo fora, o período não foi em função da lesão. Problemas extracampo, por indisciplina, teriam afastado o atleta do elenco principal, por oito jogos, entre junho e julho. No fim de julho, Gedoz precisou ser distanciado novamente, por cinco rodadas.

“Pelo investimento que o clube fez, tenho uma responsabilidade muito grande e eu assumo. Quando eu erro, eu erro. Ninguém é perfeito […] nesse período fora, procurei dar meu máximo, treinando forte todos os dias. Me dediquei diariamente e acho que pude mostrar isso em campo”, disse Gedoz. Mesmo assim, o atleta não revelou qual seria o motivo do primeiro afastamento.

O jogador entrou em campo aos 13 minutos da segunda etapa. Aos 23 minutos, sofreu uma falta na entrada da área, quando foi atropelado por Walisson Maia. O próprio atacante cobrou e carimbou a trave. Aos 37 minutos, o atleta fez parte de outro lance crucial, foi derrubado na área por Iago. Pênalti que ele mesmo converteu aos 41 minutos, empatando a partida.

Para o técnico Fabiano Soares é necessário que o jogador evolua além da bola parada, para aí sim estar entre os titulares.

“Eu falei que ele estava treinando impressionante. E se ele quiser, ele vai jogar. O Gedoz pode fazer muito melhor do que ele tá fazendo. Eu preciso que ele também jogue sem ser de bola parada”, explicou.

Próxima rodada

O Atlético volta a campo no próximo domingo (17), às 16h (horário de Brasília), quando recebe o Fluminense, na Arena da Baixada.

Com o empate no Atletiba, o rubro-negro desceu para a nona posição, com 31 pontos. Apenas três de distância do G6.