Avião cai perto de Moscou com 71 pessoas a bordo

Reprodução Twitter
Reprodução Twitter

DIOGO BERCITO
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Um avião russo com 71 pessoas a bordo se acidentou próximo à capital, Moscou, neste domingo (11). A imprensa local relata que a aeronave Antonov An-148 da Saratov Airlines decolou do aeroporto de Domodedovo com destino a Orsk e caiu no distrito de Ramensky após pouco mais de dois minutos de voo.
Não se sabe qual foi a razão do acidente do voo 6W703.
O governo russo, por ora, investiga a possibilidade de ter ele sido causado por falha técnica, erro humano ou condições climáticas -apesar de que não há relato de nenhuma condição extrema neste domingo. Testemunhas na vila russa de Argunovo, ouvidas por agências de notícias, dizem ter visto uma aeronave em chamas despencando do céu.
O avião transportava 65 passageiros e seis tripulantes.
A agência TASS diz que todos morreram, mas a informação ainda não foi confirmada oficialmente. As equipes de busca já chegaram ao local do acidente e o ministro dos Transportes da Rússia, Maksim Sokolov, estava a caminho. Circulam nas redes sociais e na TV local imagens de partes dos destroços espalhados pela neve.
O presidente russo, Vladimir Putin, ofereceu condolências a familiares e amigos das vítimas, segundo o porta-voz de seu governo, Dimitri Peskov. Putin pediu ainda que seja formada uma comissão especial para investigar as causas do acidente.
O avião An-148 acidentado havia sido produzido há oito anos, segundo a agência Interfax, e foi antes operado pela Rossiya Airlines.

  • Às 15h, a Promotoria de Transporte de Moscou confirmou a morte de todas as 71 pessoas que estavam a bordo do avião bimotor AN-148, que caiu nos arredores de Moscou neste domingo (11). “A bordo da nave encontravam-se 65 passageiros e seis tripulantes. Todos morreram”, disse a entidade em comunicado.