Casal de surfistas cria prancha ecológica e ajuda crianças carentes

Com Fernando Garcel

A paixão pelo surf uniu o casal Carol e Jairo Lumertz. Juntos, os dois passaram a levar o esporte para comunidades carentes de todo o país, construindo pranchas de garrafas pet. Por meio do Projeto Eco Garopaba, uniram a preservação do meio ambiente com a inclusão social.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A história do Eco Garopaba começou em 2007, quando o brasileiro Jairo morava na Ilha de Oahu no Hawaii. Preocupado com a quantidade de lixo nos oceanos, o surfista resolveu criar uma prancha feita de material reciclado. Já no Brasil, em 2011, ele conheceu a Carol e contou sobre a iniciativa. Encantada com a proposta, ela teve a ideia de fundar a Associação Eco Garopaba e oficializar o Projeto Prancha Ecológica, divulgando pelas cidades brasileiras.

 

Garrafa pet na natureza

De acordo com Associação Brasileira da Indústria do PET (Abipet), o tempo de decomposição de uma garrafa é de no mínimo cem anos. No entanto, esse tempo pode aumentar de acordo com as condições ambientais, chegando a 400 anos em alguns casos.

No Brasil, 57,1% do material é reciclado, o que equivale a cerca de 294 mil toneladas de embalagens PET. O restante desse percentual acaba jogado na natureza.

 

 

Aprenda como fazer a prancha a entrevista:

Mais informações no site do projeto.