Ópera “João e Maria” leva 600 crianças de instituições sociais para ensaio no Teatro Guaíra

João e Maria
Foto: Reprodução/Facebook

A Ópera João e Maria realiza seu ensaio geral nesta terça-feira (30), às 14h30, no Teatro Guaíra, em Curitiba antes de estrear oficialmente a temporada de 2017 amanhã, dia 31.

Os ajustes finais vão contar com convidados mais que especiais: cerca de 600 crianças de escolas públicas e instituições sociais, e também idosos, estarão presente, além dos mais de 80 artistas envolvidos na produção, como cantores líricos, bailarinos, músicos da orquestra e coral infantil.

“Estamos felizes de trazer crianças que nunca assistiram uma ópera para entender um pouco mais sobre esse estilo, e também de proporcionar a esses jovens talvez a primeira experiência deles dentro de um grande teatro. Será muito emocionante”, comenta a produtora da Ópera João e Maria, Salete Cercal. O mote principal do espetáculo é, além do artístico, o didático, pretendendo promover amplamente a acessibilidade e a inclusão cultural.

“João e Maria”

Depois de lotar o Guairinha em 2013, a ópera “João e Maria” volta em cartaz nos dias 31 de maio, 1º e 4 de junho, dessa vez no auditório principal do Teatro Guaíra.

Os ingressos custa, entre R$15 e R$30. No dia 1, na sessão das 9h30, uma lata de leite em pó vale um ingresso para o espetáculo.

A obra dos irmãos Grimm conta a história de dois irmãos que um dia foram colher amoras na floresta e acabaram se perdendo e encontrando uma casa feita de doces, propriedade de uma bruxa. Comeram doces até não poder mais, mas era tudo um plano para comer as crianças.

Composta por Engelbert Humperdinck, a versão em ópera promete impressionar com cenas com seres da floresta, interior da casa da bruxa com guloseimas gigantes e muitos efeitos visuais. Devido ao tamanho do Teatro Guaíra e à alta expectativa de público, houve uma adaptação do espetáculo. “Os atores passaram por um trabalho de preparação corporal, para expandir o corpo; também os figurinos e objetos em cena foram ampliados, para terem visibilidade. Usaremos luz negra para criar cenas mais misteriosas”, explica o diretor cênico Jul Leardini.

A montagem se passará, dessa vez, no sertão brasileiro. “A intenção é aproximar a peça da nossa realidade, sensibilizando o público sobre a difícil realidade de nosso povo, como a miséria e a fome”, comenta a produtora do espetáculo, Salete Cercal. Além disso, o espetáculo foi traduzido e adaptado pela educadora musical Lúcia de Vasconcellos, que realizou um complexo trabalho com as partituras e as letras originais em alemão, recriando textos sem perder a melodia e a dinâmica da música. A obra será toda cantada em português e ainda legendada. A direção musical é de Luiz Néri Pfutzenreuter.

A peça é realizada pela Ditirambo Eventos Culturais por meio do Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura do Estado do Paraná (Profice) e tem apoio da Copel e da Nutrimental.

Serviço:

Quando: 31/05 (quarta), às 14h30; 01/06 (quinta), às 14h30; 04/06 (domingo), às 16h.

Local: Teatro Guaíra (Rua XV de Novembro, 971 – Centro, Curitiba-PR)

Classificação livre, com indicação para acima de 6 anos de idade.

Duração: 70 minutos

Valores: R$ 30 inteira e R$ 15 meia.