Após denúncia, Polícia Militar encontra fábrica clandestina de palmitos no litoral

Karina Bernardi/ CBNCuritiba

Policiais do Batalhão Ambiental da Polícia Militar localizaram, nesta quarta-feira uma fábrica clandestina de palmitos em Morretes, no litoral do estado. Foram apreendidos 118 vidros de palmito em conserva.

Os policiais receberam uma denúncia de que um homem sairia da localidade do Rodeio, em Morretes, com o carro carregado de palmitos em conserva e iria até o centro da cidade. Ao localizarem o veículo suspeito, os policiais deram ordem de parada mas o motorista não obedeceu e fugiu do local. Ele foi abordado no centro de Morretes. No veículo foram encontrados 103 vidros de palmito juçara, produzidos de forma clandestina.

O homem indicou onde ficava a fábrica clandestina. No local foi encontrado um barraco feito de galhos e coberto por plástico. Foram apreendidos mais 15 vidros de palmito em conserva e 31 vazios, além de medidor para corte, facão e ácido cítrico.

O envolvido e todo o material apreendido foram encaminhados ao Posto Ambiental. Ele assinou um termo circunstanciado e os palmitos encaminhados à Vigilância Sanitária.