Carro de motorista da Uber assassinado é encontrado em chamas

Foto: Reprodução / Facebook
Da BandNews Curitiba

O carro do motorista da Uber, Alex Srour Ribeiro, de 28 anos, foi encontrado em chamas, na noite de segunda-feira (2), em Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba. A vítima foi assassinada na semana passada e, desde então, o automóvel era procurado pela Polícia Civil.

O carro foi localizado no mesmo município onde Alex foi deixado após ser morto e amarrado por assaltantes. Ontem os últimos três suspeitos foram apresentados à imprensa.

Com isso, são seis os detidos pelo latrocínio da vítima. Não se descarta a hipótese de que o grupo tenha cometido outros assaltos, incluindo um que resultou na morte de outro motorista do Uber, no mês de agosto. É o que explica o secretário de Segurança Pública, Wagner Mesquita.

“A participação de esse mesmo grupo em mais um latrocínio e pelo menos mais dois roubos. A polícia vai aprofundar as investigações para os aplicativos de transporte para que possamos garantir a segurança dos motoristas e dos usuários de transporte”, disse.

A investigação apontou que o motorista foi escolhido aleatoriamente pela quadrilha, que o acionou por meio do aplicativo. Ele foi morto após ter reagido. O carro da vítima foi levado pelo grupo e teria sido vendido por R$ 1.300.