Mais de 60 presos fugiram de delegacias do Paraná só neste ano

agentes carcerários

BandNewsCuritiba

O Paraná já tem mais de 60 presos fugitivos em 2018. Três fugas de detentos foram registradas entre ontem (segunda, 5) e hoje (terça, 06) no Paraná – em Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, em Ipanema, no Litoral, e em Terra Rica, no noroeste do Estado.

Com isso, o número de detentos que já escaparam de delegacias ou cadeias públicas chega a 62 só em 2018, segundo a Associação dos Delegados de Polícia do Paraná. Nesta madrugada, nove presos fugiram da Delegacia de Ipanema, no litoral.

Segundo a Polícia Civil, por volta da 1h da manhã, os presos estouraram o cadeado da porta da carceragem e conseguiram escapar. Até o meio-dia quatro presos haviam sido recapturados. No momento da fuga, 18 presos estavam na carceragem. As outras duas fugas foram registradas ontem (segunda, 5).

Em Terra Rica, por volta das 4 horas da madrugada, 15 presos cavaram um túnel a partir da saída de esgoto do vaso sanitário de uma cela e fugiram. O túnel dava para o pátio da unidade. Depois de atravessar a área, os detentos pularam o muro. Já no início da tarde, pouco antes da uma hora, outra fuga ocorreu na delegacia de Piraquara, carceragem que estava com 50 homens.

A Polícia Civil informou que nove presos escaparam. O grupo, segundo a polícia, abriu um buraco no teto e também precisou pular o muro para sair. Além das fugas, uma revista na cadeia pública de Ponta Grossa, nos Campos Gerais, encontrou um túnel “em construção”, com 10 metros de comprimento. Em primeira coletiva de imprensa como secretário de Segurança, o delegado Julio Reis afirmou ontem que a situação das delegacias do Paraná será prioridade da gestão dele na pasta.