Passageira de ônibus é presa com 2 kg de crack amarrados ao corpo

Foto: Divulgação PRF
Foto: Divulgação PRF
Da PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), prendeu na sexta-feira (7), uma mulher que transportava dois quilos de crack presos ao seu corpo. A prisão ocorreu em Santa Terezinha de Itaipu, durante abordagem a um ônibus que fazia a linha Foz do Iguaçu – Londrina. Ela foi presa por tráfico de drogas.

Na manhã de sexta-feira (7), por volta das 9h, na BR-277, em Santa Terezinha de Itaipu, agentes da PRF abordaram um ônibus que fazia a linha Foz do Iguaçu – Londrina.

Durante a vistoria dos passageiros e nas bagagens, foi solicitado que retirasse o casaco. Diante da solicitação dos policiais, a mulher, de 25 anos, pediu para retirar a peça de roupa em local diferente do ônibus, uma vez que alegara que possuía algo dentro dele. Já fora do veículo, quando foi retirado o casaco, os agentes visualizaram dois tabletes presos com fita adesiva junto ao corpo da passageira.

Foto: Divulgação PRF

Foto: Divulgação PRF

Após a retirada dos tabletes foi constatado serem crack, que totalizaram 2,03 kg da droga. A mulher disse que retirou a droga em Foz do Iguaçu e a entregaria no terminal rodoviário do Tietê, em São Paulo.

Em vistoria na sua documentação, a mulher já havia sido presa pelo transporte de quatro quilos da mesma droga em 2016.

Diante dos fatos, a mulher foi presa em flagrante por tráfico de drogas e conduzida à Delegacia de Polícia de Santa Terezinha de Itaipu para o registro do crime.