Adapar identifica seis casos de raiva em bovinos e caprinos no norte do Paraná

Jorge de Sousa

Adapar identifica seis casos de raiva em bovinos no norte do Paraná

A Adapar (Agência de Defesa Agropecuária do Paraná) anunciou nesta segunda-feira (5), que identificou seis casos de raiva em bovinos e caprinos de propriedades do norte do Paraná.

Os casos de raiva foram identificados em bovinos e caprinos que morreram nas cidades de Londrina, Marilândia do Sul e Tamarana.

Desde o início do ano, a Adapar identificou 56 casos de raiva em todo Paraná, sendo que a Secretaria de Estado da Saúde confirmou 33 ocorrências em morcegos.

A recomendação da Adapar é que todos os animais da região norte do Paraná sejam vacinados contra a raiva e tenham nova imunização em 60 dias.

Já aquelas pessoas que tiveram contatos com qualquer animal infectado pela doença precisam procurar uma unidade de saúde.

Vale lembrar que a raiva é comumente transmitida pelo morcego hematófago Desmodus rotundus e todos os animais infectados pela doença acabam morrendo.

Mas a responsabilidade do controle sanitário da doença junto a esses morcegos é de responsabilidade da Adapar e por isso é proibido a eliminação desses animais sem a devida autorização.

LEIA MAIS: Resultado UEL: universidade de Londrina divulga lista de aprovados no vestibular

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="773838" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]