Prefeitura de Maringá paga até R$ 3,4 mi para agricultores familiares

Mariana Ohde


Por Metro Maringá

A prefeitura de Maringá abriu edital de chamamento público no valor de R$ 3,4 milhões para compra de alimentos orgânicos – produzidos por agricultores familiares – para serem servidos nas merendas de CMEIs (Centro Municipal de Educação Infantil) e de Escolas Municipais.

Ao todo, o município demanda 67 tipos diferentes de alimentos, classificados em sete grupos: frutas, hortaliças e temperos, legumes e tubérculos, carnes e peixes, panificados, sucos e complementos. O maior investimento em alimento que a prefeitura se dispõe a pagar é a carne moída (músculo congelado).

Serão 30 toneladas da carne, em que a prefeitura se compromete a pagar até R$ 16,10/kg. O total gasto apenas com esse alimento é de R$ 483 mil. O contrato tem duração de um ano e pode ser renovado por iguais e sucessíveis períodos desde que haja concordância de todas as partes.

O chamamento – que será realizado às 9h30, do dia 30 de novembro – visa cumprir o PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar), que oferece alimentação escolar e ações de educação alimentar e nutricional a estudantes de todas as etapas da educação básica. Os recursos são oriundos do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento de Educação.

Previous ArticleNext Article
Mariana Ohde
Repórter no Paraná Portal