Coronavírus: Caminhoneiros recebem alimentos no Porto de Paranaguá

Redação

caminhoneiros, alimentos, coronavírus, covid-19, porto de paranaguá

Caminhoneiros que descarregam grãos no Porto de Paranaguá recebem alimentos a partir de hoje (14). A iniciativa é uma forma de ajudar os motoristas, que enfrentam dificuldades em encontrar restaurantes abertos devido à pandemia do coronavírus.

De acordo com o governo do Paraná, serão distribuídos 55 mil kits, com arroz, feijão, óleo e ovos. Devem ser atendidos 2 mil caminhoneiros por dia no Pátio de Triagem da Portos do Paraná.

“Muitos motoristas reclamavam de não encontrar comida durante a viagem e de ter dificuldade em se alimentar na estrada. Então, pensamos em uma forma de ajudar estes profissionais, que são essenciais para a atividade portuária. Durante o período que esperam no nosso pátio, os caminhoneiros podem cozinhar no próprio caminhão, evitando aglomerações”, destacou o diretor-presidente da empresa pública, Luiz Fernando Garcia.

De acordo com ele, as operações nos Porto de Paranaguá e no Porto de Antonina seguem normais, sem atrasos ou cancelamentos de embarques e desembarques.

“Os portos do mundo todo seguem funcionando e não tivemos grandes impactos na navegação. Mas é preciso pensar em toda cadeia logística, porque a carga que exportamos chega pela rodovia ou ferrovia.”, completou.

Além disso, a Portos do Paraná montou uma estrutura especial para monitorar a saúde dos motoristas. São médicos, enfermeiros e auxiliares que atendem 24 horas.

Todos os caminhoneiros que chegam ao Pátio de Triagem têm a temperatura aferida e, no caso de apresentar febre ou sintomas compatíveis com a Covid-19, recebem atendimento gratuito e especializado.

*Com informações da AEN

Previous ArticleNext Article