Conab inicia terceira etapa de fiscalização de estoques públicos

Plantao Agronegocio


A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) iniciou nesta semana a terceira etapa de fiscalização de estoques públicos de 2017.

Técnicos da Conab inspecionam armazéns públicos e privados dos estados do Paraná, Acre, Amazonas, Amapá, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rio de Janeiro, Rondônia e São Paulo.

Os trabalhos continuam até 5 de maio e envolvem 23 profissionais.

A expectativa da Conab é fiscalizar 583.257 toneladas de grãos entre arroz, café, milho, feijão, trigo, farinha e fécula de mandioca em 44 armazéns do país. Os fiscais observarão, entre outros quesitos, as condições de armazenagem e conservação e a quantidade de grãos armazenados.

Na segunda etapa deste ano, foram fiscalizadas 144.354 toneladas em 56 armazéns, sendo constatados desvios de 2.496 toneladas de milho e perdas de 217 toneladas de café e milho.

No caso das perdas, os armazenadores terão que indenizar a Conab. Para os desvios identificados, a irregularidade é informada ao Ministério Público e à Polícia Federal. Além disso, a armazenadora fica impossibilitada de operar com a Companhia Nacional de Abastecimento por dois anos e deve restituir o estoque inicial em dinheiro ou em produto.

Cadastramento

Para otimizar custos, os técnicos da Conab aproveitarão o roteiro e farão o cadastramento de novos armazéns.

Previous ArticleNext Article