Escoamento da madeira no Paraná é feito por via terrestre

FAEP


O setor florestal aparece apenas na 9.ª colocação no ranking do Valor Bruto de Produção (VBP) do Paraná. Ainda assim, a atividade tem significativa importância para outros setores, como construção civil, automobilística, farmacêutica, alimentícia e, claro, para o agronegócio. O setor florestal fornece, entre outros produtos, lenha, carvão vegetal e madeira serrada para, por exemplo, aquecimento dos milhares de aviários espalhados pelo Paraná.

A madeira retirada das florestas segue até as indústrias de beneficiamento e serrarias por via terrestre. O transporte das toras ocorre num raio máximo de 150 quilômetros entre as propriedades e as empresas, pois distância maior é um fator limitador devido ao elevado custo do frete.

Após o beneficiamento da madeira, os produtos deixam o Brasil com destino a diversos países, como Estados Unidos, China, Inglaterra e Alemanha, pelos portos de Paranaguá, no Paraná; Itajaí, Navegantes e São Francisco do Sul, em Santa Catarina. Em 2015, o Paraná foi o segundo Estado que mais exportou madeira, atrás apenas de São Paulo.

Leia a matéria completa.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="481614" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]