Audiência pública debate Funrural

FAEP


A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) em considerar constitucional a cobrança da contribuição dos empregadores rurais para o Funrural, suspensa desde 2011 por uma decisão da Justiça Federal, deve provocar um passivo de R$ 10 bilhões aos agricultores em cobranças retroativas, segundo cálculos de entidades do setor. Em audiência pública conjunta das comissões de Agricultura da Câmara dos Deputados e do Senado, no dia 3 de maio, em Brasília, produtores defenderam a revisão da decisão do STF. A Frente Parlamentar da Agropecuária também está se movimentando para encontrar uma saída política para a questão.

O presidente do Sistema FAEP/SENAR-PR, Ágide Meneguette, participou do debate no Congresso. “Temos de unir as lideranças em torno da Frente Parlamentar, buscando uma solução que atenda os interesses dos produtores. O momento é de somarmos forças para encontrar a melhor saída para o impasse”, afirma Meneguette.

A audiência pública das comissões de Agricultura da Câmara e do Senado sobre o Funrural foi acompanhada por centenas de produtores rurais, que vieram em caravana dos principais estados produtores do país.

Leia a matéria completa aqui.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="481058" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]