Metas da União Europeia estimulam o uso de fontes renováveis

FAEP


Um dos pontos relevantes observados pelos integrantes da viagem técnica organizada do Sistema FAEP/SENAR-PR à Alemanha, Áustria e Itália é o uso das energias renováveis na mobilidade. A União Europeia estabeleceu metas que deveriam ser cumpridas a partir de 2010 para o uso de fontes renováveis, tanto no transporte quanto no setor elétrico.

No que se refere ao abastecimento da rede elétrica, em 2015, a Itália já tinha 17,5% de sua matriz oriunda de fontes renováveis, enquanto que a meta estipulada pela UE era de 11,2%. Nos transportes, porém, o uso de combustíveis verdes ainda está abaixo da meta.

Para atender à legislação, o biometano (produzido pela filtragem do biogás) é estratégico. “Praticamente não tem cadeia de biocombustíveis na Itália. O biometano é a única cadeia possível”, afirma Riccardo Wondsrich, relações públicas do Consórcio Italiano de Biogás, entidade que representa o setor de biogás no país europeu. Segundo ele, esse combustível é fundamental para a independência energética italiana, uma vez que sua produção de metano fóssil atende apenas 15% da sua demanda. Os 85% restantes são importados da Rússia

Leia a matéria completa.

Previous ArticleNext Article