Citricultura saudável

FAEP

Nos últimos anos, atuando de maneira organizada e consciente e utilizando as ferramentas disponíveis para garantir o bom manejo dos pomares, os produtores ganharam produtividade e, consequentemente, elevaram a renda. Não à toa que o Paraná saltou de quarto maior produtor brasileiro de laranja para a terceira colocação, com uma safra histórica da fruta na temporada 2017/18. E as perspectivas vão além, com projeção de colher mais de um milhão de toneladas na safra atual. A produtividade dos pomares paranaenses dá um banho no resto do país. Enquanto a média nacional é de 553 caixas (de 40,8 quilos) por hectare, no Paraná essa média é de 923 caixas/ha.

Na verdade, nos últimos anos, Paraná e Bahia vêm se alternando na disputa pelo terceiro lugar do ranking brasileiro da laranja. No entanto, enquanto nosso Estado dispõe de 25 mil hectares para os pomares, os baianos dispõem de 75 mil ha – três vezes mais.

Clique aqui para ler a matéria completa

Post anteriorPróximo post
Comentários de Facebook