Projeto da UEL aproxima estudantes da realidade rural

Mariana Ohde


Com informações da AEN

Um projeto desenvolvido na Universidade Estadual de Londrina (UEL) vai ajudar estudantes a conhecerem de perto a realidade do campo. A partir do próximo ano, os alunos que ingressarem no curso de medicina veterinária poderão fazer parte do Ruralidade: motivação vocacional para acadêmicos.

O objetivo é apresentar e demonstrar, na prática, todas as atividades relacionadas à cadeia de produtos de origem animal, em propriedades especializadas na produção de carne e leite, frigoríficos, fábricas de produtos lácteos, granjas de aves, suínos, além de fazendas especializadas em caprinos.

Segundo o coordenador do projeto, professor Wilmar Marçal, do Departamento de Clínicas Veterinárias, é cada vez mais comum jovens do 1º ou 2º ano sem uma vivência da realidade rural. As atividades serão complementares, não obrigatórias. Ele explica que, além da urbanidade ser um fator que distancia o jovem das atividades do campo, o Hospital Veterinário (HV) da UEL também viu reduzida a demanda de tratamento de animais de grande porte.

“Hoje é muito difícil para o produtor rural, sobretudo o pequeno, levar seu animal para um tratamento especializado, até por questões de logística e custos”, reforça o professor, salientando que a demanda do hospital acaba sendo suprida com projetos de ensino que propõe atendimento a pequenos produtores em suas propriedades.

Ainda de acordo com Wilmar Marçal, para o estudante que já está ambientado na lida com grandes animais, o projeto acaba servindo como aprimoramento. “Vamos buscar mostrar sempre novas tecnologias, o manejo correto e as nuances dos animais de produção”, afirmou.

Previous ArticleNext Article
Repórter no Paraná Portal
[post_explorer post_id="5085" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]