Paranaenses publicam artigo sobre bem-estar em rebanhos de bovinos leiteiros na Nature

Mariana Ohde


O professor José Antonio Fregonesi, do Departamento de Zootecnia da Universidade Estadual de Londrina (UEL), e a ex-estudante de Doutorado, Andressa Amorim Cestari, tiveram um artigo sobre bem-estar em rebanhos de bovinos leiteiros publicado na conceituada revista científica Nature.

O artigo foi publicado na sexta-feira (23) e pode ser acessado no site da revista. A publicação foi produzida a partir de estudos realizados em 2012, na University of British Columbia (Canadá), com um grupo de 22 animais da raça Holandesa, de alta genética e produção leiteira.

O pesquisa foi considerado inédita porque demonstrou a motivação dos animais em busca de conforto e bem estar. O artigo é assinado pelos pesquisadores da UEL, Andressa Amorim Cestari e José Fregonesi (do Departamento de Zootecnia), e pelos pesquisadores canadenses Marina Von Keyserlingk, Becca Franks e Daniel Weary.

O estudo representou o doutorado de Andressa Amorim, que permaneceu cerca de um ano no Canadá, com orientação do professor José Fregonesi. Para realizar o estudo, a então doutoranda realizou um treinamento.

As vacas foram incentivadas a empurrar um portão com peso para poder deixar o confinamento do tipo free-stall, que utiliza galpão coberto, com uma cama de areia individual para incentivar a vaca a se alimentar e passar o dia deitada, ruminando.

O peso do portão começou com sete quilos e terminou com aproximadamente 50 quilos. A motivação do animal para ter acesso ao recurso em estudo, neste caso o pasto, é medida pelo máximo esforço que ele está disposto a desempenhar.

Ao final, o estudo demonstrou cientificamente, ou melhor, quantificou a disposição das vacas leiteiras para trocar o ambiente do confinamento pelo campo aberto, em nome do bem-estar.

Além da pesquisa de Andressa, o professor José Fregonesi realizou o pós-doutorado na UBC em 2007, abrindo posteriormente o caminho para que outros pesquisadores da UEL pudessem realizar estudos nesta Universidade, considerada uma das mais importantes na área de bem-estar animal. Pelo menos 15 estudantes de graduação e pós-graduação da UEL já realizaram estudos no Canadá.

Previous ArticleNext Article
Repórter no Paraná Portal
[post_explorer post_id="1274" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]