Preço das hortaliças cai no Brasil, aponta levantamento do Conab

Redação

preço, hortaliças, julho, conab, companhia nacional do abastecimento, ceasas, ceasa, central de abastecimento

O novo boletim do Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) aponta uma tendência de queda no preço das hortaliças negociadas nas principais Ceasas (Centrais de Abastecimento). Os dados são referentes a julho.

A batata apresentou a maior redução, depois de uma variação de alta no mês de maio. A maior queda foi registrada em Belo Horizonte (45,68%) e a menor, em Recife (30,17%).

O motivo desta variação, segundo o estudo, é decorrente da grande oferta de produtos que tem se apresentado ascendente, e culminou num afluxo aos mercados atacadistas, pressionando os preços para baixo mesmo com o aumento do consumo verificado em julho.

Entre os fatores que contribuem para o baixo preço, ainda de acordo com o boletim, está a continuação das medidas de combate ao coronavírus, como o distanciamento social.

Outro produto com queda foi o alface. Os preços caíram na Ceasa Curitiba e na Ceagesp, sendo que em São Paulo foi influenciada pela diminuição da oferta devido à diminuição da área plantada.

Cebola, cenoura e tomate também registraram quedas nos preços.

Algumas frutas apresentaram aumento de cotação em julho, como a melancia. Com a oferta reduzida nas diversas regiões fornecedoras nessa época do ano, em especial Uruana/Ceres (GO) e Tocantins, os preços subiram nas Ceasas.

*Com informações do Mapa

Previous ArticleNext Article