Agronegócio
Compartilhar

Preços pagos aos produtores de alho, batata e tomate caem em até 41,08%

Os produtores de alho, batata e tomate receberam menos pela comercialização destes produtos no Paraná. A entrada da safr..

Redação - 28 de dezembro de 2021, 07:59

Pixabay
Pixabay

Os produtores de alho, batata e tomate receberam menos pela comercialização destes produtos no Paraná. A entrada da safra e, consequentemente, a maior oferta no mercado pressiona os preços pagos aos agricultores para baixo. A maior queda foi registrada para o alho, que em novembro teve a cotação retraída em 41,08% quando comparada com outubro, como mostra análise regional realizada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A notícia é do site oficial da companhia.

Ainda segundo o levantamento, os preços para os produtores de tomate caíram em torno de 37,8%, enquanto que para a batata a queda ficou próxima a 20,6%. Apesar dessas reduções registradas no campo, a desvalorização não foi refletida nos supermercados, onde a pesquisa apontou que o tubérculo e o tomate ficaram mais caros 19,35% e 36,49%, respectivamente.

Já os produtores de inhame e mandioca receberam mais na hora da comercialização, com elevação de 30,51% e 21,97% respectivamente na comparação entre as cotações praticadas nos meses de novembro e outubro. A alta é explicada pela restrição destes produtos no mercado. Enquanto o inhame se encontra em período de entressafra, a mandioca registrou uma baixa oferta nas lavouras de segundo ciclo.