Tarifa Rural Noturna será mantida com 60% de desconto na energia elétrica

Redação

tarifa rural noturna, desconto, energia elétrica, agropecuaristas, agricultores, paraná, consumo, governo do paraná, agricultura, hussein bakri

O governo do Paraná e a Alep (Assembleia Legislativa do Paraná) chegaram a um acordo para manter a Tarifa Rural Noturna. O programa beneficia 11,7 mil agropecuaristas com um desconto de 60% na conta da energia elétrica consumida entre 21h30 e 6 horas.

Conforme o entendimento dos deputados estaduais, o fim do benefício traria impactos econômicos ruins para a produção de aves, suínos, peixes e leite. Para manter o programa, Executivo e Legislativo dividirão as despesas estimadas em R$ 40 milhões.

“Nos últimos dias, fui procurado por entidades ligadas ao setor agropecuário e também por lideranças políticas de todo o Estado preocupadas com a notícia de que o benefício seria cortado”, disse o líder do governo na Alep, Hussein Bakri.

De acordo com o deputado, a partir do lobby de agropecuaristas, a Mesa Executiva da Assembleia iniciou a discussão com o governador Ratinho Junior (PSD) para costurar o acordo em benefício dos 11,7 mil produtores beneficiados pela Tarifa Rural Noturna.

“Esse subsídio terá uma importância ainda maior agora em meio aos reflexos econômicos provocados pela pandemia do coronavírus”, completou Hussein Bakri.

O fim da Tarifa Rural Noturna era dado como certo após restrições orçamentárias e legais impostas pela ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica).

Diante do impasse, como forma de compensação, o governo planejava financiar agropecuaristas para gerarem energia própria a partir de fontes renováveis (biomassa, vento, água, sol), por meio do novo programa Paraná Energia Rural Renovável.

No entanto, mudanças no texto da lei que regulamenta a Tarifa Rural Noturna permitiram a manutenção do programa até o limite de 4.000 kWh/mês. O consumo além da cota será cobrado de forma integral, sem desconto de 60%.

Dos 11,7 mil agropecuaristas beneficiários do programa, 800 consomem acima dessa quantidade.

Além disso, o novo texto da Tarifa Rural Noturna interrompe o credenciamento de novos beneficiários. Já os agropecuaristas que decidirem aderir ao Paraná Energia Rural Renovável automaticamente deverão abrir mão do desconto na energia elétrica.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="733282" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]