camara de tamarana
Compartilhar

Delegado Civil assume Secretaria da Defesa Social em Curitiba

O delegado da Polícia Civil Guilherme Rangel assumiu ontem o posto de secretário municipal da Defesa Social e Trânsito d..

Narley Resende - 03 de agosto de 2017, 08:02

O delegado da Polícia Civil Guilherme Rangel assumiu ontem o posto de secretário municipal da Defesa Social e Trânsito de Curitiba. Ele substitui o delegado da Polícia Federal Algacir Mikalovski, que estava desde janeiro no cargo.

Desde o começo do ano, esta foi a quinta substituição no secretariado de Greva. Já caíram os comandantes da Fundação Cultural de Curitiba, da Secretaria de Recursos Humanos, da FAS (Fundação de Ação Social) e da Secretaria da Saúde.

Rangel, 35 anos, é paranaense, formado em Direito pela PUC-PR e tem pós-graduação na Escola da Polícia Civil. Ele estava há dois anos e meio à frente da Delegacia de Crimes Contra a Economia e Proteção ao Consumidor (Delcon).

Guilherme Rangel 

Rangeu tomou posse na tarde desta quarta-feira (2) e já assumiu os trabalhos à frente da Defesa Social e Trânsito. “Fiquei muito lisonjeado e honrado pelo convite. Assumo a secretaria com o intuito de colaborar com a Prefeitura de Curitiba e especialmente com os cidadãos da cidade, que são os maiores interessados no nosso trabalho”, disse.

O secretário afirmou que irá trabalhar de forma conjunta, com todos da equipe, para atender as quatro áreas que estão sob a responsabilidade da secretaria: Guarda Municipal, Trânsito, Departamento sobre Drogas e Defesa Civil.

“Estou vindo da Polícia Civil, onde tive o prazer de trabalhar aqui no Paraná por sete anos. Aprendemos a lidar com situações diversas e quero usar esta experiência para fazer um trabalho o mais eficaz possível, que possa colaborar muito com a vida dos curitibanos”, disse Rangel.

Experiência

O secretário também foi delegado da Polícia Civil em Santa Catarina e teve passagens pela Delegacia de Mangueirinha-PR, Delegacia de Furtos e Roubos (DFR), Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc) e na Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV).

Rangel também fez cursos nos Estados Unidos no International Law Enforcement Academies (ILEA), curso sobre lavagem de dinheiro no Tesouro Americano, operações especiais na Swat do FBI e também no setor de inteligência e investigação do FBI.