camara de tamarana
Compartilhar

Maioria da bancada do Paraná vota por blindar Temer

Dezesseis dos 30 deputados federais paranaenses votaram a favor do relatório da Comissão de Constituição e Justiça da Câ..

Roger Pereira - 02 de agosto de 2017, 19:24

Dezesseis dos 30 deputados federais paranaenses votaram a favor do relatório da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara pelo arquivamento do pedido de investigação contra o presidente da República Michel Temer. Onze deputados votaram contra, alguns deles contrariando orientações de seus partidos, e outros três não participam da sessão.

Os deputados que votaram a favor de Temer defenderam, na maioria, a estabilidade do país o crescimento econômico e as reformas que o governo vem encaminhando. Os que votaram a favor da investigação ressaltaram a gravidade da denúncia, a necessidade de se investigar e, até, a possibilidade de o presidente se defender e afastar as suspeitas contra ele.

Alguns votos contrários ao relatório causaram surpresa, como o de Sandro Alex, do PSD, partido que fechou questão com Temer, e Fernando Francischini (SD) que justificou seu voto pela coerência e respeito ao trabalho da instituição de que é originário, a Polícia Federal. Já o deputado João Arruda (PMDB), sobrinho do senador Roberto Requião (PMDB), que lançou uma frente “Fora Temer” há algumas semanas, seguiu a orientação do partido e, sem justificar, votou a favor do relatório. "Michel Temer será investigado. Mas é necessário manter estabilidade institucional. Não se pode trocar de presidente a cada três meses", justificou Arruda ao Paraná Portal.

Dos três deputados que se ausentaram, dois tinha orientação partidária para votar em favor de Temer, o ex-ministro da Justiça Osmar Serraglio (PMDB) e Reinhold Stephanes (PSD). Além deles, não votou o ex-prefeito de Curitiba Luciano Ducci, do PSB, partido que orientou pelo voto contra o presidente. “Quem se ausenta é covarde”, provou Zeca Dirceu (PT) ao registrar seu voto

Veja como votaram os deputados paranaenses sobre a abertura de processo contra Temer:

Sim (pelo arquivamento da denúncia)

Alex Canziani - PTB

Alfredo Kaefer - PSL

Dilceu Sperafico - PP

Edmar Arruda - PSD

Evandro Roman PSD

Giacobo - PR

Hermes Parcianello – PMDB

João Arruda - PMDB

Luiz Carlos Hauly - PSDB

Luiz Nishimori - PR

Nelson Meurer - PP

Nelson Padovani PSDB

Osmar Bertoldi - DEM

Sergio Souza - PMDB

Takayama - PSC

Toninho Wandscheer - PROS

Não (contra o relatório, a favor da abertura de processo

Aliel Machado - REDE

Assis do Couto - PDT

Christiane de Souza Yared - PR

Delegado Francischini - Sd

Diego Garcia – PHS

Enio Verri - PT

Leandre - PV

Leopoldo Meyer - PSB

Rubens Bueno - PPS

Sandro Alex - PSD

Zeca Dirceu – PT

Ausentes

Luciano Ducci (PSB)

Osmar Serraglio (PMDB)

Reinhold Stephanes (PSD)