câmara de vereadores
Compartilhar

Vereadores de Curitiba desistem de cobrar na Justiça 13º retroativo

Repórter Lucian Pichetti/ CBNCuritibaOs 11 vereadores e três ex-vereadores de Curitiba desistiram da ação de cobr..

Jordana Martinez - 06 de março de 2018, 14:49

Repórter Lucian Pichetti/ CBNCuritiba

Os 11 vereadores e três ex-vereadores de Curitiba desistiram da ação de cobrar na Justiça o 13º retroativo. O advogado do grupo, Rodrigo Pironti, afirmou à CBNCuritiba que a desistência aconteceu porque os vereadores entenderem que os valores retroativos são um direito deles, reconhecido pelos Supremo Tribunal Federal (STF), e que a Câmara de Curitiba deveria pagar, sem a necessidade de uma discussão judicial.

O pedido foi registrado pelo grupo em fevereiro. Na época, os parlamentares também pediram que a Câmara Municipal fizesse uma reserva no orçamento da Casa para pagar o 13º salário de 2018. O valor atualizado deve passar de R$ 1.188.00,00.

Em fevereiro do ano passado o STF decidiu que prefeitos, vice-prefeitos e vereadores, assim como qualquer outro trabalhador, têm direito ao 13º salário, além do pagamento do terço de férias.

Porém o Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) decidiu que os valores só podem ser pagos para quem for eleito a partir de 2021, na próxima legislatura.

A Câmara Municipal de Curitiba informou que mantém o posicionamento de não fazer o pagamento do 13° retroativo.