câmara dos deputados
Compartilhar

França encaminha vaga para a Copa. Holanda precisa de milagre

Uma vitória sofrida, fora de casa, diante da Bulgária por 1 a 0 deixou a França muito perto da Copa do Mundo do ano que ..

Roger Pereira - 07 de outubro de 2017, 19:50

Uma vitória sofrida, fora de casa, diante da Bulgária por 1 a 0 deixou a França muito perto da Copa do Mundo do ano que vem, na Rússia. Os franceses lideram o grupo A das eliminatórias europeias com 20 pontos, um a mais que a Suécia, e só não garantem vaga direta para o mundial se tropeçarem diante da modesta Bielorrússia, em casa, na terça-feira, pela última rodada. Um gol de Matuidi logo aos três minutos definiu a vitória francesa, em uma partida muito fraca.

No mesmo grupo, a Holanda viu suas chances de classificação diminuírem drasticamente. Não por ter tropeçado, os holandeses venceram a Bielorrússia por 3 a 1 fora de casa, mas pelo que fez a Suécia. Sabendo que o saldo de gols pode ser decisivo na última rodada, os suecos não tiveram piedade de Luxemburgo e aplicaram 8 a 0. Assim, a Suécia, que visita a Holanda na última rodada, além dos três pontos de vantagem, abriu 12 gols de diferença no saldo para os laranjas, que precisarão de uma vitória por mais de seis gols de diferença para buscar uma vaga na repescagem.

 

Portugal e Suíça terão confronto pela vaga

Suíça e Portugal destoaram de todos os outros adversários do grupo B e chegam à última rodada, quando se enfrentam, em Portugal, disputando a vaga direta para a Copa depois de terem vencido todos os outros jogos. Neste sábado, Portugal se deu ao luxo de deixar Cristiano Ronaldo no banco para o duelo com a fraca Andorra. Não deu certo. O primeiro tempo terminou 0 a 0 e o craque teve que ir a campo para fazer um gol e a jogada do outro, garantindo a vitória dos patrícios por 2 a 0. A Suíça não tomou conhecimento da Hungria e aplicou um 5 a 2, que a mantém na liderança do grupo, com 100% de aproveitamento e três pontos de vantagem sobre os portugueses, o que lhe permite jogar pelo empate na partida decisiva da próxima terça-feira. Para Portugal, é vencer a Suíça ou disputar a repescagem.

No grupo H, a Grécia contou com a ajuda da já classificada Bélgica, para encaminhar sua vaga na repescagem. Os gregos venceram o Chipre por 2 a 1 fora de casa e contaram com a derrota da Bósnia por 4 a 3 para a Bélgica para assumir o segundo lugar do grupo. Na última rodada, a Grécia enfrenta, na terça-feira, a lanterna Gibraltar, que ainda não pontuou nas eliminatórias.