câmara dos deputados
Compartilhar

Atlético anuncia goleiro novo e meia “das antigas”

A sexta-feira foi de anúncio de reforços no CT do Caju. O Atlético confirmou as contratações do goleiro Felipe Alves e d..

Roger Pereira - 02 de fevereiro de 2018, 18:35

A sexta-feira foi de anúncio de reforços no CT do Caju. O Atlético confirmou as contratações do goleiro Felipe Alves e do meia Lucho Gonzáles. O goleiro, com passagem pelo Paraná Clube, chega ao Furacão por indicação do técnico Fernando Diniz, com quem já atuou em seis diferentes equipes. O meia volta para o Furacão depois de pouco mais de um mês, pois seu contrato encerrou-se em dezembro, mas ele acabou decidindo ficar em Curitiba e prorrogar o vínculo com o Atlético.

Desde o final do ano passado, quando acabou o contrato com o Rubro-Negro, Lucho permaneceu em Curitiba. “Óbvio que no futebol, quando tem essa pré-disposição de ambas as partes, fica tudo mais fácil. Não teve complicação e foi tudo rápido. Estou feliz e ansioso parar voltar a treinar no campo”, afirmou. “Treinar sozinho não é a mesma coisa. Então, essa ansiedade é pela vontade de poder voltar o quanto antes”, disse. “Estava com saudades de ver muita gente aqui. É uma alegria muito grande”, completou.

Com seis gols marcados pelo Furacão, três deles na Libertadores do ano passado, o jogador não esconde a identificação que teve com o Atlético Paranaense. “Tenho um carinho especial pelo Clube. Um ano e meio parece pouco, mas vivi muitas coisas boas. O fato de ter recebido o carinho da torcida e do Clube aumentou esse sentimento”, concluiu Lucho.

Homem de confiança

O sistema de jogo que notabilizou o trabalho de Fernando Diniz ao levar o Audax para a Final do Campeonato Paulista, depende muito da atuação do goleiro. No jeito Diniz de jogar futebol, o camisa 1 atua como um líbero, participando do toque de bola da equipe como mais um jogador de linha até que se consiga envolver o adversário e progredir ao ataque. Para isso, é necessário um goleiro com habilidade com os pés, frieza e total confiança do treinador. E é por isso que, por onde passa, Fernando Diniz leva com ele o goleiro Felipe Alves. Aos 29 anos, o goleiro vem para disputar posição com Santos e Léo, únicos atletas do elenco principal atleticano que estão inscritos (e jogando) também no Campeonato Paranaense. “Será uma disputa saída. Espero aprender muito com eles e passar um pouco do conhecimento que tenho, até por ter trabalhado com o Diniz e conhecer o sistema. Trocando essas informações e com o trabalho, o Clube tem a ganhar, independentemente de quem jogue”, ressaltou Felipe Alves.