câmara dos deputados
Compartilhar

Atlético fica no 1 a 1 em Chapecó

A sina do Atlético de recuar demais depois de abrir o placar e oferecer chances aos adversários de empatar e até virar a..

Roger Pereira - 09 de julho de 2017, 13:17

A sina do Atlético de recuar demais depois de abrir o placar e oferecer chances aos adversários de empatar e até virar a partida se repetiu na manhã deste domingo, na Arena Condá. E dessa vez, como fez o primeiro gol aos 2 minutos de jogo, a mudança de postura do Furacão foi logo no início do jogo, passando a sofrer durante, praticamente durante todos os 90 minutos, pressão da Chapecoense, que conseguiu o empate, ainda no primeiro tempo. Com o 1 a 1, o Atlético fica, momentaneamente, na 13 ª posição do campeonato, podendo ser ultrapassado pelo Cruzeiro, que joga à tarde contra o Palmeiras.

Sidcley (de novo ele) fez o gol do Furacão na primeira jogada de ataque, logo aos dois minutos, depois de receber cruzamento de Jhonatan invadir a área e bater, de pé direito, no canto de Jandrei.

O 1 a 0 logo no início fez o Atlético se retrair. A Chape foi para cima , depois de perder algumas chances, chegou ao empate aos 16 minutos. Após falta cobrada pela esquerda, Sidcley afastou a bola da área atleticana, mas ela sobrou para Lucas Marques, que acertou um belo chute de longa distância para empatar.

A Chape seguiu na pressão no restante do primeiro tempo, com Weverton fazendo defesas importantes para segurar o resultado. Aos 26 minutos, foi o travessão que salvou o Furacão, depois de bela jogadado ataque da equipe catarinense, que foi concluída por Lucas Marques.

O Atlético voltou um pouco melhor no segundo tempo, ainda com uma postura defensiva, para segurar as investidas da Chapecoense, mas com o contra-ataque articulado, levando riscos ao adversário. Num desses contra-ataques, Ederson chegou a empurrar para as redes o cruzamento de Sidcley, mas estava impedido. Em outra oportunidade, Douglas Coutinho perdeu cara a cara com Jandrei.

A Chapecoense também seguiu pressionando. Teve ótimas chances no final da partida, mas Weverton e a zaga atleticana seguraram o resultado.