câmara dos deputados
Compartilhar

Grama sintética é liberada para o Brasileirão

PEDRO IVO ALMEIDA E RODRIGO MATTOS - RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS)O conselho arbitral da CBF aprovou nesta segunda..

Roger Pereira - 05 de fevereiro de 2018, 19:11

PEDRO IVO ALMEIDA E RODRIGO MATTOS - RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS)

O conselho arbitral da CBF aprovou nesta segunda-feira (5) duas mudanças importantes no regulamento do Campeonato Brasileiro de 2018.

O uso de grama sintética, como da Arena da Baixada -estádio do Atlético-PR-, está liberado, assim como a venda de mando de jogos para fora do estado de origem do clube que negociar a partida, com exceção de confrontos agendados para as últimas cinco rodadas da competição.

As duas aprovações contradizem o pré-estabelecido para as regras da competição. O Atlético-PR, único clube que tem um estádio com grama sintética na Série A, seria proibido de atuar em sua arena caso o terreno fosse mantido. A nova decisão, entretanto, reverte a decisão anterior e favorece o time da capital paranaense, que segue normalmente com a sua casa.

Já em relação à venda de mando de campo, os clubes optaram por retornar, em parte, ao regulamento antigo. O veto de poder mandar jogos apenas em seu estado acabou derrubado, mas com um porém: os clubes são liberados a negociarem apenas cinco mandos durante todo o campeonato; todos eles antes das cinco rodadas finais da competição.