câmara federal
Compartilhar

Hemepar pede doações de sangue para manter o estoque no Carnaval

O Centro de Hematologia e Hemoterapia do Paraná (Hemepar) reforçou o pedido de doações de sangue para suprir o estoque d..

Mariana Ohde - 07 de fevereiro de 2018, 10:37

O Centro de Hematologia e Hemoterapia do Paraná (Hemepar) reforçou o pedido de doações de sangue para suprir o estoque durante o feriado de Carnaval. As 21 unidades do estado funcionam normalmente até sábado (10) e retornam na quarta-feira (14) a partir das 13h.

Em feriados e datas comemorativas, as coletas costumam cair até 40%. "Através das doações que conseguimos manter nossos estoques em condição de atender a população", explica o diretor-geral do Hemepar, Paulo Roberto Hatschbach.

Segundo ele, as doações são importantes não apenas antes do feriado, mas também depois, por causa da validade das plaquetas de sangue. “As plaquetas têm vida útil de cinco dias. As doações durante essa semana não garantem o estoque do feriado inteiro. A coleta do sábado (8), por exemplo, atende a necessidade até quinta-feira (15). Por isso, pedimos a colaboração e atenção nas doações feitas depois das comemorações”, acrescenta.

Uma bolsa de sangue pode salvar a vida de até quatro pessoas.

Em 2017, foram coletadas 188.266 bolsas, um crescimento de 6% na comparação ao ano anterior. A hemorrede recebe 17 mil candidatos à doação por ano e, em média, 14 mil estão aptos a doar sangue. A rede também é responsável pelo atendimento de 2.135 pacientes portadores de doenças do sangue, como coagulopatias e hemoglobinopatias.

O Hemepar é responsável pelo abastecimento de quase 90% do estoque de sangue da rede pública. São 384 hospitais cadastrados que necessitam de 14 a 15 mil bolsas de sangue por mês, cerca de 700 a 800 por dia.

Para ser um doador, é necessário estar em boas condições de saúde, pesar no mínimo 50 kg e ter entre 16 e 69 anos. Também é preciso levar documento oficial com foto. Quem tem menos de 18 anos deve estar acompanhado pelos pais ou responsáveis.

 

HORÁRIO DE ATENDIMENTO

1° RS, em Paranaguá

Segunda a sexta-feira

Horário: 8h às 11h15 e 13h às 15h30

2° RS, em Curitiba

Segunda a sexta-feira

Horário: 7h30 às 18h30

Sábado

Horário: 8h às 18h

3° RS, em Ponta Grossa

Segunda a sexta-feira

Horário: 9h às 16h

4° RS, em Irati

Segunda a sexta-feira

Horário: 13h às 17h

Sábado (um por mês)

Horário: 8h às 17h

5° RS, em Guarapuava

Segunda a sexta-feira

Horário: 8h às 11h e 13h30 às 16h

6° RS, em União da Vitória

Segunda a sexta-feira

Horário: 13h às 16h30

Sábado

Horário: Conforme agenda

7° RS, em Pato Branco

Segunda a sexta-feira

Horário: 8h às 11h30 e 13h às 16h30

8° RS, em Francisco Beltrão

Segunda a sexta-feira

Horário: 8h às 11h30 e 13h às 16h30

9° RS, em Foz do Iguaçu

Segunda a sexta-feira

Horário: 8h às 12h e 13h às 17h

Sábado

Horário: 7h30 às 12h

10° RS, em Cascavel

Segunda a sexta-feira

Horário: 7h30 às 12h e 13h às 17h

11° RS, em Campo Mourão

Segunda a sexta-feira

Horário: 7h30 às 11h e 13h30 às 17h

12° RS, em Umuarama

Segunda a sexta-feira

Horário: 8h às 11h30 e 13h30 às 16h

Sábado (3° do mês)

13° RS, em Cianorte

Segunda a sexta-feira

Horário: 8h às 11h e 13h às 16h

14° RS, em Paranavaí

Segunda a sexta-feira

Horário: 7h30 às 11h15 e 13h0 às 14h30

15° RS, em Maringá

Segunda a sexta-feira

Horário: 7h às 18h30

Sábado

Horário: 7h às 12h30

16° RS, em Apucarana

Segunda a sábado

Horário: agendar com o Hemonúcleo pelo telefone (43) 3420 4200

17° RS, em Londrina

Segunda a sexta-feira

Horário: 13h às 18h30

Sábado

Horário: 8h às 17h30

18° RS, em Cornélio Procópio

Segunda a sexta-feira

Horário: 7h às 12h

19° RS, em Jacarezinho

Segunda a sexta-feira

Horário: 7h30 às 11h

20° RS, em Toledo

Segunda a sexta-feira

Horário: 7h30 às 10h30 e 13h às 15h

21° RS, em Telêmaco Borba

Segunda a quinta-feira

Horário: 8h às 10h e 13h às 15h

Sexta-feira

Horário: 8h às 10h

Confira os endereços e mais informações no site.