horário de verão, jair bolsonaro, redes sociais, celulares, adiantam, uma hora, automaticamente

Horário de verão: mesmo extinto por Bolsonaro, celulares adiantam uma hora automaticamente

Apesar de o horário de verão ter sido extinto este ano pelo presidente Jair Bolsonaro, centenas de pessoas afirmaram nas redes sociais na madrugada deste domingo (20) que os relógios de seus celulares adiantaram uma hora automaticamente.

A situação já era prevista por empresas como a Motorola, que fez um alerta durante a semana pedindo atenção ao horário dos celulares entre os dias 19 e 20 de outubro, datas em que tradicionalmente o horário era adiantado em uma hora.

De acordo com a empresa, isso pode ter acontecido em aparelhos que não estavam conectados à rede das operadoras; produtos conectados apenas no wi-fi, sem acesso à rede da operadora; e aparelhos desligados e religados somente após a virada de sábado para domingo.

O Google também divulgou uma nota explicando o impacto da medida do governo no Banco de Dados Global da IANA (em português, Autoridade para Atribuição de Números de Internet), usado por smartphones e dispositivos eletrônicos para garantir sempre a hora certa.

“Na prática, isso significa que alguns celulares possivelmente não tenham a informação necessária para evitar que o relógio dos aparelhos seja alterado automaticamente como se o horário de verão ainda estivesse valendo”, explicou o Google.

A empresa informou ainda que existe a possibilidade de a alteração automática acontecer no dia 3 de novembro nos aparelhos não impactados neste domingo, pois a data do início do horário de verão mudou em 2018.

No Twitter, muitos proprietários de celulares cujos relógios adiantaram associaram o fato a uma oposição ao governo Bolsonaro.

“Mano, pensei que tinha viajado no tempo. Mas aí lembrei que meu celular é petista”, escreveu um deles. “Meu celular atualizando a hora é a militância de hoje”, disse outro.

Muitos relataram a confusão e contaram não ter certeza sobre qual era o horário certo no momento. Alguns inclusive pediram ajuda nas redes sociais para acertar os relógios.

“Eu tô mais perdido que o Bolsonaro na presidência”, ironizou um dos proprietários de celular “rebelde”.

Houve inclusive propostas de insurgência contra a extinção do horário de verão.

“Se combinar direitinho a gente adianta uma hora e vive normalmente o #horário de verão e deixa só o Bolsonaro vivendo com uma hora de atraso. Até porque de atraso ele entende bem”, escreveu uma das fãs do horário especial.

O horário de verão foi extinto após 34 anos de vigência no Brasil. Na cerimônia em que assinou a extinção, o presidente afirmou que estudos do Ministério de Minas e Energia mostraram que não existe economia com a mudança dos relógios.

Bolsonaro afirmou ainda que a alteração afetava o relógio biológico da população e isso é prejudicial ao trabalhador.

O horário de verão foi adotado pela primeira vez no país no no fim de 1931, com a finalidade de economizar energia elétrica nos meses mais quentes do ano. Ele foi aplicado sem interrupção nos últimos últimos 35 anos.

Pesquisas mostram, no entanto, que a eficiência na economia de energia vem caindo ano após ano. Um estudo divulgado pelo ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico) considerou nula a economia de energia durante o horário de verão 2017/2018.

Daniely de Quadros - professora - futsal - seleção - Curitiba - Thaise OliveiraSEET-PR

Professora de Curitiba é a nova técnica da seleção brasileira de futsal

O CEP (Colégio Estadual do Paraná), em Curitiba, conta com uma presença ilustre em seu corpo docente. Daniely de Quadros é professora de educação física da instituição e será a partir desta segunda-feira (21), técnica da seleção brasileira de futsal feminino.

A estreia da Daniely no comando técnico da seleção será em amistoso contra a Colômbia pelo 5° Desafio Internacional de Futsal Feminino Adulto. O duelo será realizado no Ginásio do Tarumã, às 20h. A entrada para o jogo é a doação de um brinquedo.

Daniely entrou na seleção nacional como auxiliar técnica e foi a única mulher a integrar a comissão de treinadores no Mundial de Futsal da AMF (Associação Mundial de Futebol de Salão), no qual o Brasil foi campeão em 2017, na Espanha.

Dentro do CEP, Daniely tem um longo histórico com o futsal. Foi no Colégio que ela começou como atleta na modalidade e retornou posteriormente como professora e também técnica de futsal feminino.

Dentro do programa de futsal feminino do CEP, Daniely comandou a equipe estudantil para conquistas de torneios locais e regionais, sendo o mais recente a 64a Edição dos Jogos Estudantis da Primavera, disputada neste mês em Ponta Grossa.

SERVIÇO

  • Desafio Internacional de Futebol de Salão – Brasil x Colômbia
  • Data: segunda-feira (21)
  • Horário: 20 horas
  • Entrada: Doação de um brinquedo
vítimas, desabamento, prédio, fortaleza, ceará, buscas, corpo de bombeiros, resgate, salvamento

Bombeiros encerram buscas após encontrar 9ª vítima do desabamento em Fortaleza

O Corpo de Bombeiros encontrou neste sábado (19) o corpo da nona vítima do desabamento do edifício Andrea, em Fortaleza. O prédio caiu na última quinta-feira (15).  No final da tarde, as equipes retiraram dos escombros o corpo da síndica do prédio. Maria das Graças Rodrigues tinha 53 anos e era a última pessoa que estava desaparecida. Por isso, as buscas foram encerradas.

De acordo com o comandante da operação de resgate, Edurado Holanda, sete pessoas foram resgatadas com vida durante os trabalhos das equipes salvamento. Ao encerrarem os trabalhos, os soldados prestaram uma homenagem às vítimas do desabamento.

VÍTIMAS DO DESABAMENTO EM FORTALEZA

Também foram vítimas do desabamento: Vicente de Paulo Menezes, de 86 anos, Rosane Marques de Menezes, de 56 anos; Frederick Santana dos Santos, de 30 anos; Izaura Marques Menezes, de 81 anos; Antônio Gildásio Holanda Silveira, de 60 anos; Nayara Pinho Silveira, 31 anos, e Maria da Penha Bezerril Cavalcante, de 81 anos.

O Edifício Andrea desabou por volta das 10h30 de terça-feira (15). Informações ainda em investigação indicam que o imóvel vinha passando por obras. O Corpo de Bombeiros trabalhou com o apoio da Defesa Civil e voluntários.

* Com informações da Agência Brasil

motociclista, morre, morreu, br-116, campina grande do sul, curitiba, rocha, acidente

Motociclista perde o controle, bate em rocha e morre na Grande Curitiba

Um motociclista de 31 anos morreu após bater em uma rocha na BR-116, em Campina Grande do Sul, na região metropolitana de Curitiba. O acidente aconteceu no final da manhã deste sábado (19), às 11h50.

Conforme a PRF (Polícia Rodoviária Federal), o homem perdeu o controle da moto e acabou saindo da pista. Ele pilotava no sentido São Paulo.

De acordo com os agentes federais, o motociclista morava em Curitiba. Ele morreu na hora, assim que bateu contra a rocha, às margens da BR-116.

O IML (Instituto Médico-Legal) foi acionado para exames de perícia no local do acidente e para fazer a remoção do corpo.

contrabandistas, presos, paraná, guaíra, marechal cândido rondon, oeste, paraguai, cigarros, cigarros paraguaios, prf, polícia rodoviária federal

Dois contrabandistas são presos no Paraná com R$ 4,5 milhões em cigarros paraguaios

Dois contrabandistas foram presos no Paraná com cargas de cigarros paraguaios. As apreensões aconteceram na BR-163, na região oeste, próxima à fronteira com o Paraguai. As cargas ilegais foram avaliadas em R$ 4,5 milhões.

De acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal), uma das carretas foi apreendida no final da noite. Um homem foi preso com 450 mil cigarros. O contrabandista aparentemente transportava milho, mas a carga ilícita estava escondida sob os grãos.

Mais cedo, também na BR-163, mas no município de Marechal Cândido  Rondon, outro homem havia sido preso com 450 mil cigarros paraguaios. De acordo com a PRF, o contrabandista tentou enganar os agentes da mesma forma: os cigarros paraguaios estavam escondidos sob uma carga de grãos de milho.

Somadas as apreensões, a Polícia Rodoviária Federal tirou de circulação 900 mil carteiras de cigarros, cujo valor mercado foi estimado em R$ 4,5 milhões.

Ainda de acordo com a PRF, o caminhão e o semirreboque utilizados pelos contrabandistas tinham placas adulteradas. A origem do segundo veículo não foi identificada, mas o caminhão havia sido roubado em janeiro, em Cuiabá (MT).

Na cabine deste caminhão, R$ 4 mil em dinheiro foram apreendidos. O motorista preso por contrabando informou que havia partido de Dourados (MS), mas não revelou o destino da carga. O caso foi repassado à Delegacia da Polícia Federal de Guaíra, no oeste do Paraná. Os cigarros paraguaios foram levados à Receita Federal no mesmo município.

operação, pm, pm paraná, pessoas detidas, veículos apreendidos, curitiba, paraná, praça do gaúcho, parolin, tráfico de drogas, desacato

14 pessoas são detidas após abordagens ostensivas da PM em Curitiba

Uma operação ostensiva da PMPR (Polícia Militar do Paraná) resultou em 14 pessoas detidas em Curitiba. Além disso, as abordagens resultaram 20 veículos apreendidos. A ação aconteceu na noite desta sexta-feira (18), entre 17h e 23h.

De acordo com a Polícia Militar, nove pessoas assinaram termos circunstanciados e foram liberadas. Foram oito casos envolvendo uso de drogas e um por desacatado de autoridade.

Ao todo, de acordo com a PM do Paraná, 240 agentes e 50 viaturas participaram da operação ostensiva. Foram 925 abordagens e 152 veículos revistados.

operação, pm, pm paraná, pessoas detidas, veículos apreendidos, curitiba, paraná, praça do gaúcho, parolin, tráfico de drogas, desacato
No Parolin, PM encontrou 42 ‘buchas’ de cocaína. (Divulgação/PMPR)

Apenas na Praça do Gaúcho, no bairro São Francisco, na região central de Curitiba, foram 300 abordagens durante a operação. Foram quatro pessoas detidas na ocasião.

No Parolin, 42 pacotes individuais de cocaína prontos para venda foram apreendidos pela Polícia Militar. O suspeito que estava com a droga foi preso em flagrante e encaminhado à delegacia da Polícia Civil.

Além disso, houve 47 infrações de trânsito registradas, o que resultou em 20 veículos apreendidos e levados aos pátios por irregularidades. A operação também apreendeu quatro carteiras de habilitação, bem como quatro certificados de registro e financiamento de veículos (CRLVs).

ônibus, caminhão, reboque, feridos, foz do iguaçu, paraná, br-469, acidente, prf

Acidente entre ônibus e caminhão reboque deixa oito feridos na BR-469

Oito pessoas ficaram feridas após um ônibus bater em um caminhão na BR-469, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. De acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal), o acidente aconteceu na noite desta sexta-feira, próximo ao quilômetro 14.

Conforme o boletim de ocorrência, uma das vítimas se feriu com gravidade e foi levada até o Hospital Municipal. Outros passageiros feridos, foram levados a esse hospital e à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Morumbi.

De acordo com o relato da PRF, o ônibus de linha do município de Foz do Iguaçu acessou a BR-469 sem respeitar a sinalização. Assim, acabou causando o acidente ao bater em um caminhão reboque que prestava auxílio a outro caminhão pesado.

ônibus, caminhão, reboque, feridos, foz do iguaçu, paraná, br-469, acidente, prf
Divulgação/PRF

Corpo de Bombeiros, SAMU e Polícia Militar também prestaram socorro à ocorrência na noite de sexta-feira. De acordo com a PRF, os motoristas submetidos ao teste do bafômetro não apresentaram sinais de embriaguez.

Devido ao acidente, a BR-469 ficou parcialmente bloqueada durante toda a noite. O trecho foi liberado na madrugada deste sábado (19), às 2h.

candidatos aprovados, concurso público, preifetura de curitiba, vagas, contratações, edital, concurso

Prefeitura de Curitiba convoca 67 candidatos aprovados em concurso público

A Prefeitura de Curitiba convoca 67 candidatos aprovados em concurso público para a contratação em nove cargos. Essa é a primeira etapa de contratação do concurso realizado em 2019.

Os editais podem ser conferidos no site da Prefeitura de Curitiba. Os documentos deverão ser entregues nos dias 29 e 31 de outubro. Os candidatos devem verificar a classificação geral e os documentos necessários, conforme o cargo.

Os candidatos aprovados e aptos para a contratação devem estar atentos à documentação necessária. A falta de documentos pode levar à eliminação.

A entrega deve ser feita em data agendada, na Secretaria de Administração e de Gestão de Pessoal. O prédio fica na Rua Solimões, número 160, no bairro São Francisco.

No dia 29/10 devem ser apresentar os fiscais e técnicos. No dia 30/10, devem comparecer os aprovados para os cargos de Engenheiro Civil, Engenheiro Agrônomo, Engenheiro Ambiental, Engenheiro Florestal, Engenheiro Químico, Engenheiro Eletricista e Engenheiro Sanitarista.

Os contratados via concurso público 2019 devem tomar posse na Prefeitura de Curitiba no final do mês de novembro.

* Com informações da Prefeitura de Curitiba

pucpr resultado vestibular de inverno 2019

PUCPR realiza seu Vestibular de Verão neste sábado

Sete mil vagas para 60 cursos serão disputadas por estudantes no Vestibular de Verão 2020 da PUCPR (Pontifícia Universidade Católica do Paraná), neste sábado (19).

A PUCPR irá realizar o processo seletivo nas cidades de Curitiba, Londrina, Maringá e Toledo. As modalidades ofertadas são presencial, EAD e semipresencial.

Os estudantes terão das 13h às 17h para realizarem a prova, sendo que os portões serão abertos com uma hora de antecedência e fechados 20 minutos antes do início do processo seletivo.

É obrigatório a apresentação do comprovante de inscrição e documento de identificação com foto por parte dos estudantes. Além disso, apenas canetas esferográficas de tinta azul ou preta, lápis e borrachas serão permitidas no ambiente de provas.

Os pais que irão levar seus filhos para o vestibular terão uma programação especial desenvolvida pela PUC, como a exibição de filme na FTD Arena Digital, tour pela Universidade, apresentação do Coral PUCPR e a tradicional missa na Paróquia Universitária Jesus Mestre. As inscrições para as atividades devem ser feitas pelo Sympla.

PROVAS

As questões do vestibular irão abordar temas nas áreas de  Língua Portuguesa, Literatura Brasileira, Biologia, Química, Física, Matemática, História, Geografia, Filosofia e Língua Estrangeira, além de um texto dissertativo-argumentativo,

Para os estudantes que concorrem no curso de Medicina, a prova também irá exigir um resumo, além de adequar o número de questões, redação e tempo de prova, a fim de selecionar ingressos com competências compatíveis com a profissão.

O resultado será divulgado às 11h do dia 1 de novembro no site da PUCPR e entregue em jornal no banho de lama promovido pela Universidade. Em Curitiba, a celebração ocorre no no estacionamento 04 do Câmpus Curitiba, com a presença de trio elétrico, DJ e um festival de cores.

Aeroporto Afonso Pena - Curitiba - Paraná - Voos

Curitiba terá dez novos voos para o interior do Paraná

Dez cidades do interior do Paraná irão ganhar conexões no Aeroporto Internacional Afonso Pena. Entre os dias 22 e 24 de outubro, terá início esse serviço, que irá disponibilizar de três a quatro voos semanais para esses destinos.

Os voos serão operados pela Gol Linhas Aéreas em parceria com a empresa de transporte aéreo TwoFlex. A aeronave utilizada nas rotas é um Cessna 208 “Caravan”, com capacidade para até nove passageiros.

As cidades que irão receber os voos são Paranaguá, Telêmaco Borba, União da Vitória, Cornélio Procópio, Arapongas, Campo Mourão, Francisco Beltrão, Cianorte, Paranavaí e Guaíra.

Segundo informações do terminal aéreo, todos os passageiros que embarcarem em um dos aeroportos listados para o Afonso Pena, e tiverem conexão para outra cidade, terão de desembarcar e reembarcar, passando pela inspeção de raio-X ao embarcar para o próximo destino.

Essa ampliação faz parte do do programa Voe Paraná, lançado pelo governo do Estado, com o objetivo de ampliar rotas regulares do interior para Curitiba, estimulando o desenvolvimento econômico e turístico no Paraná.

O Aeroporto Internacional Afonso Pena é um dos mais movimentados do Brasil, com capacidade para receber 14,8 milhões passageiros por ano. Cerca de 179 voos operam diariamente no terminal, transportando aproximadamente 17 mil passageiros entre embarques e desembarques.