Renan Bressan - Paraná Clube - Operário - Campeonato Paranaense - Vila Capanema

Paraná Clube vence Operário e ganha primeira na Vila Capanema em 2020

Em um jogo equilibrado, Renan Bressan marcou gol logo em seu primeiro toque na bola e o Paraná Clube bateu o Operário por 1 a 0 na noite deste domingo (16), conquistando sua primeira vitória como mandante na temporada.

O duelo válido pela sétima rodada do Campeonato Paranaense foi realizado na Vila Capanema, em Curitiba, com 2501 torcedores presentes.

A vitória deixou o Paraná Clube com nove pontos na oitava colocação, sete pontos abaixo do líder FC Cascavel.

Já o Operário perdeu a chance de empatar em pontos com o FC Cascavel e caiu para a quarta posição com 13 pontos ganhos.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo no sábado de Carnaval (22), pela oitava rodada do Campeonato Paranaense.

O Paraná Clube viaja até Cornélio Procópio para encarar o PSTC, no Ubirajara Medeiros, às 17h.

Já o Operário viaja para Francisco Beltrão para encarar o União, às 16h, no Estádio Anilado.

VITÓRIA COM A ESTRELA DE BRESSAN

Allan Aal - Paraná Clube - Operário - Campeonato Paranaense - Vila Capanema
Allan Aal conseguiu sua primeira vitória como mandante em sua passagem como técnico do Paraná Clube. (Geraldo Bubniak/AGB)

A primeira chance na Vila Capanema saiu logo aos dois minutos. Raphael Alemão recebeu na entrada da área e finalizou cruzado perto do poste direito.

Nova chance do Paraná Clube aos 24 minutos. Após cobrança de escanteio, Thales ganhou pelo alto e cabeceou perto do travessão.

Aos 32 minutos, André Luiz foi quem salvou o Operário. Michel faz boa jogada e serviu Kaio na área. O meia finalizou firme para bela defesa do goleiro, mas o rebote ficou com Rodrigo Rodrigues na pequena área e o atacante chutou rente ao poste direito.

O Operário respondeu aos 40 minutos com Tomas Bastos. O meia arriscou uma finalização da intermediária e Alisson bateu roupa, mas a defesa conseguiu afastar.

Alisson se redimiu aos 45 minutos. Tomas Bastos cobrou escanteio da esquerda e Jefinho cabeceou para o chão da pequena área, obrigando o goleiro paranista a defender em cima da linha, impedindo a bola de entrar no gol.

Após cerca de dez minutos de paralisação para a volta do intervalo, devido a falha em alguns refletores na Vila Capanema.

Com quatro minutos, André Luiz salvou novamente o Operário. Michel recebeu a bola na área e o meia finalizou cruzado para grande intervenção do goleiro.

Mas aos 14 minutos, o Paraná Clube conseguiu o seu gol. Michel recebeu na lateral da área e rolou para Renan Bressan chegar finalizando de primeira no alto da meta, sem chances para André Luiz.

Lucas Batatinha teve boa chance para empatar o duelo aos 24 minutos. O atacante foi lançado na ponta esquerda, cortou para dentro, mas finalizou fraco e no meio do gol para fácil defesa de Alisson.

Nova chance do Operário aos 44 minutos. Tomas Bastos recebeu na direita, cortou para o meio e chutou cruzado para boa defesa de Alisson.

Rhodolfo - Coritiba - Cascavel C.R. - Campeonato Paranaense

Coritiba leva virada do Cascavel C.R. e perde chance de liderar o Paranaense

Mesmo com domínio das ações em grande parte do jogo, o Coritiba levou a virada do Cascavel C.R. e perdeu por 3 a 2, desperdiçando a chance de assumir a liderança do Campeonato Paranaense.

O duelo válido pela sétima rodada do Campeonato Paranaense foi realizado no Olímpico Regional, em Cascavel.

Rhodolfo e Matheus Salles marcaram os gols do Coritiba, enquanto Renê, Diego Lopes e Rone viraram para o Cascavel C.R.

O Coritiba ficou estacionado com 15 pontos e pode perder a vice-liderança caso o Operário derrote o Paraná Clube ainda neste domingo.

Já o Cascavel C.R. venceu a primeira no campeonato e chegou aos cinco pontos ganhos, conseguindo sair pela primeira vez da zona de rebaixamento do Paranaense.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo na semana de Carnaval pela oitava rodada do Campeonato Paranaense.

O Coritiba recebe o Cianorte, no Couto Pereira, na sexta-feira (21), às 20h.

Já o Cascavel C.R. viaja para Curitiba encarar o Athletico Paranaense, na Arena da Baixada, neste sábado (22), às 17h.

DOMÍNIO COXA-BRANCA, VIRADA CASCAVELENSE

O Coritiba abriu o placar logo aos oito minutos. Patrick Vieira cobrou escanteio da esquerda e Rhodolfo ganhou pela alto para escorar firme para o fundo das redes.

O Cascavel C.R. buscou o empate aos 29 minutos. Lucy lançou Renê no contra-ataque e o meia invadiu a área, finalizando na saída de Alex Muralha para igualar o jogo.

Renê Júnior quase colocou o Coritiba na frente do placar aos 32 minutos. O volante recebeu na entrada da área e finalizou firme para Fernando Nunes espalmar.

A resposta do Cascavel C.R. foi aos 35 minutos. Valber cruzou da direita e Lucy escorou de cabeça prensado, mas a bola passou perto do travessão de Muralha.

A virada do Cascavel C.R. ocorreu aos 41 minutos. Lucy recebeu o escanteio curto e encontrou Diego Lopes no segundo poste. O volante cabeceou firme para baixo e balançou as redes.

Logo aos dois minutos do segundo tempo, o Coritiba buscou a sua virada. Matheus Sales recebeu na intermediária e arriscou o chute, a bola desviou no caminho e entrou no canto direito alto.

Sassá teve a chance da virada aos seis minutos. Matheus Galdezani bateu rasteiro e Fernando Nunes espalmou nos pés do atacante, que acabou furando a finalização e perdeu grande oportunidade.

Fernando Nunes salvou o Cascavel C.R. novamente aos oito minutos. Após escanteio cobrado por Patrick Vieira, Sabino escorou firme, mas o goleiro fez bela defesa.

Já aos dez minutos, foi Rafinha quem colocou o goleiro para trabalhar. Após bola rebatida na entrada da área, o meia emendou de primeira e o goleiro foi buscar a defesa no canto.

Aos 32 minutos, foi Igor Jesus quem parou no goleiro do Cascavel C.R. O atacante foi lançado entre os zagueiros e tentou a finalização na saída de Fernando Nunes, mas o arqueiro fechou o ângulo e fez boa defesa.

Só que quem balançou a rede no segundo tempo foi o Cascavel C.R. Rone recebeu belo lançamento nas costas da zaga, invadiu a área e esperou a saída de Muralha para finalizar firme.

O Coritiba ainda reclamou de um pênalti aos 48 minutos. No lance, Matheus Galdezani invadiu a área e disputou corpo a corpo com Cristian e caiu no campo. A arbitragem mandou seguir a jogada.

coritiba copa do brasil manaus

Coritiba perde para o Manaus e é eliminado da Copa do Brasil 2020

O Coritiba foi eliminado da Copa do Brasil 2020 depois de perder para o Manaus por 1 a 0 nesta quarta-feira (12). O gol do time do Amazonas foi marcado pelo meia Rossini, nos acréscimos do primeiro tempo. O duelo, realizado na Arena Amazônia, contou com um público de 17.123 pessoas (12.123 pagantes) e uma renda de R$ 280.700,00.

Depois do cruzamento da esquerda, Mateus Oliveira errou a bicicleta e viu a bola sobrar para Jenudo. O atacante ajeitou de cabeça e o Rossini bateu firme para estufar as redes.

Na etapa final, o Coxa desperdiçou um pênalti, cobrado pelo atacante Sassá. O camisa 99 chutou rasteiro, mas viu o goleiro Jonathan defender. Depois disso, o meia Thiago Lopes ainda carimbou a trave amazonense.

Além disso, vale lembrar que o clube paranaense precisava de um simples empate para seguir vivo na competição.

Com a vitória, o Manaus se prepara para enfrentar o Brasil de Pelotas, que eliminou o Gama na primeira fase. A data ainda será definida pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

Essa é a primeira vez que o clube amazonense – fundado em 2013 – avança de fase na Copa do Brasil, torneio que disputou apenas nos últimos dois anos.

COXA COLECIONA ELIMINAÇÕES NA COPA DO BRASIL

O Coritiba amarga muito a eliminação pelo viés financeiro. Apesar de lucrar R$ 540 mil só por esse duelo inicial, a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil garantiria R$ 650 mil aos cofres do clube do Alto da Glória. Contudo, o time paranaense vê a premiação pertencer ao Manaus.

Ou seja, o orçamento alviverde passa a ser prejudicado já na metade de fevereiro.

Além disso, o Coxa segue com péssimas campanhas na Copa do Brasil. Essa é a segunda vez seguida que o clube é eliminado na primeira fase – no ano passado, perdeu para a URT por 3 a 2.

Para se ter noção, a última vez que o Coritiba chegou nas oitavas de final da Copa do Brasil foi em 2015. Confira as eliminações do Alviverde desde então:

  • 2016 – eliminação para o Juventude na segunda fase.
  • 2017 – eliminação para o ASA de Arapiraca na segunda fase.
  • 2018 – eliminação para o Goiás na terceira fase.
  • 2019 – eliminação para a URT na primeira fase.
  • 2020 – eliminação para o Manaus na primeira fase.

OLHO NO PARANAENSE

Agora o time comandado pelo técnico Eduardo Barroca volta a focar suas atenções ao Campeonato Paranaense. O Coritiba é o vice-líder do Estadual com 14 pontos, um a menos que o FC Cascavel.

O Coxa volta a campo no próximo domingo (16), às 16h, quando visita o Cascavel CR no estádio Arnaldo Busato.

coritiba manaus copa do brasil

Coritiba divulga relacionados para a estreia na Copa do Brasil contra o Manaus

O Coritiba divulgou, na tarde deste domingo (9), a lista dos 22 jogadores relacionados para o jogo contra o Manaus. O duelo vale pela primeira fase da Copa do Brasil 2020 e está marcado para a próxima quarta-feira (12), às 21h30.

O Coxa tem a vantagem do empate para se classificar, ou seja, apenas a derrota elimina o time alviverde. O critério vale para todos os jogos dessa primeira fase e segue o ranking nacional de clubes (os visitantes se beneficiam com a vantagem). Além disso, apenas a terceira fase da Copa do Brasil tem jogos de ida e volta.

Em relação à equipe, o técnico Eduardo Barroca terá praticamente todos os reforços. Por enquanto, apenas o meia Giovanni Augusto segue de fora. Anunciado nessa última semana, ele vai aprimorando a parte física antes de fazer sua estreia.

Contudo, Rafinha e Sassá, estrelas da goleada por 6 a 1 sobre o União estão confirmados para a viagem de 4.050 quilômetros ao Amazonas. Outro destaque é a presença de Patrick Vieira, que estreou na lateral-direita e barra Lucas Ramon na posição.

No Campeonato Paranaense, o Coritiba é o segundo colocado com 14 pontos. O FC Cascavel, que derrotou o Athletico por 1 a 0, é o líder.

Por fim, a expectativa do clube é pelo acerto com Jadson, ainda do Corinthians. O jogador de 34 anos está em Curitiba, mas ainda precisa rescindir o vínculo com o clube paulista.

EQUIPE DO COXA CONTRA O MANAUS NA COPA DO BRASIL

Goleiros – Alex Muralha e Wilson;

Laterais – Kazu, Natanael, Patrick Vieira e William Matheus.

Zagueiros – Caetano, Rafael Lima, Rhodolfo, Rodolfo Filemon e Sabino.

Meio-campistas – Matheus Sales, Renê Júnior, Matheus Galdezani, Ruy, Thiago Lopes e Matheus Bueno.

Atacantes – Rafinha, Robson, Wellissol, Igor Jesus e Sassá.

Coritiba goleia o União e se torna líder do Paranaense

O Coritiba goleou o União por 6 a 1 e se tornou líder, provisoriamente, do Campeonato Paranaense 2020. Sassá e Rafinha, duas vezes cada, Ruy e Thiago Lopes anotaram os gols alviverdes enquanto Sato descontou pelos visitantes.

O duelo deste sábado (8) foi realizado no Couto Pereira, em Curitiba, e teve um público de 10.676 pessoas.

Com o resultado, o Coxa chega aos 14 pontos e ultrapassa o FC Cascavel, com 12. A Serpente enfrenta o Athletico Paranaense neste domingo (9), às 16h, no estádio Arnaldo Busato. Ou seja, um empate e a vitória do Rubro-Negro mantém o time alviverde na ponta da tabela.

PRÓXIMOS JOGOS

O Coritiba se prepara agora para enfrentar o Manaus pela primeira fase da Copa do Brasil. O jogo está marcado para a próxima quarta-feira (12), às 21h30. O time alviverde vai viajar 4.050 quilômetros para o Amazonas, mas vai lucrar R$ 1,1 milhão se avançar no torneio.

Já pelo Estadual, os clubes voltam a campo no próximo final de semana. O Coxa vai visitar o Cascavel Clube Recreativo no estádio Regional Arnaldo Busato no domingo (16), às 16h. No mesmo dia e horário, o União recebe o Londrina no estádio Anilado.

COXA DESLANCHA NO SEGUNDO TEMPO

coritiba união paranaense
Rafinha anotou dois na vitória do Coxa. (Geraldo Bubniak / AGB)

O jogo começou movimentado e o Coritiba saiu em vantagem logo aos quatro minutos. Ruy aproveitou a sobra do escanteio e bateu firme, rasteiro, para balançar as redes.

O União quase chegou ao empate, mas Alex Muralha fez grande defesa no chute de Sato. Contudo, os visitantes marcaram um golaço com Sato. Após a jogada de Luan pela direita, o camisa 9 ajeitou e acertou uma bicicleta para igualar.

A partir daí, o Coxa teve grandes oportunidades: Robson bateu fraco e Sassá mandou por cima do gol após o escanteio. Contudo, o segundo gol saiu nos acréscimos: Renê Junior lançou Rafinha, que se livrou da marcação e soltou uma pancada para incendiar o Couto.

Na etapa final, Sassá se tornou o nome do jogo. O atacante marcou o segundo gol no Estadual aos oito minutos: Rhodolfo roubou a bola e tocou para Rafinha, que deu uma bela enfiada para Renê Júnior. O volante mostrou solidariedade e tocou para o lado, onde o camisa 99 só completou para as redes.

No minuto seguinte, Sassá chutou de longe e exigiu uma grande defesa de Marcos Paulo. Para o azar do União, Rafinha ganhou da zaga no rebote e transformou a vitória em goleada: 4 a 1.

Aos 29, Sassá recebeu passe de Robson e bateu firme para marcar o quinto. Por fim, aos 34, Thiago Lopes aproveitou o rebote do goleiro Marcos Paulo no chute de Welissol e guardou o dele.

 

coritiba união paranaense onde assistir

Coritiba enfrenta União para assumir a liderança do Paranaense; onde assistir

O Coritiba encara o União neste sábado (8), às 17h, tentando assumir a liderança do Campeonato Paranaense 2020. O jogo é válido pela sexta rodada do Estadual e acontece no estádio Couto Pereira, em Curitiba. Confira a provável escalação e onde assistir!

O duelo será transmitido com exclusividade pelo DAZN, na internet. A plataforma da streaming é a transmissora oficial do Paranaense.

COXA DE OLHO NA COPA DO BRASIL

O Coritiba vai para a partida com grandes chances de assumir a ponta da tabela. São 11 pontos conquistados em cinco jogos (três vitórias e dois empates), ou seja, um aproveitamento de 73%.

O simples triunfo coloca o Alviverde em vantagem sobre o FC Cascavel, atual líder com 12 pontos. A Serpente entra em campo no domingo (9) contra o Athletico Paranaense, que aparece na terceira posição. Ou seja, caso o Furacão vença ou empate o jogo, o Coxa se manteria na liderança.

Contudo, a expectativa é que o técnico Eduardo Barroca poupe alguns titulares do confronto contra o União, nono colocado do Paranaense. Isso porque o Coritiba tem o duelo contra o Manaus, pela primeira fase da Copa do Brasil, na próxima quarta-feira (12). Ou seja, o comandante descansa alguns atletas antes da viagem 4.050 quilômetros.

Além disso, o lateral-direito Patrick Vieira, recém-contratado, foi regularizado e pode estrear. Já o meia Ruy deve ganhar nova chance, enquanto o zagueiro Rhodolfo, o meia Rafinha e o atacante Robson voltam aos 11 iniciais após serem preservados contra o Londrina.

Por fim, o atacante Sassá deverá seu segundo jogo como titular com a camisa alviverde.

A provável escalação do Coritiba é: Alex Muralha; Patrick Vieira, Rhodolfo, Sabino e Kazu (Caetano); Matheus Sales, Renê Júnior e Ruy; Rafinha, Robson e Sassá.

CORITIBA x UNIÃO

Sexta rodada do Campeonato Paranaense 2020

Data, hora e local: sábado (7/2/2020), às 17h (horário de Brasília), no Couto Pereira.

Onde assistir: DAZN.

Coritiba: Alex Muralha; Patrick Vieira, Rhodolfo, Sabino e Kazu (Caetano); Matheus Sales, Renê Júnior e Ruy; Rafinha, Robson e Sassá. Técnica: Eduardo Barroca.

União: Marcos Paulo; Júlio Lopes, Casimiro, Samuel Souza e Cleiton; Sorbara, Rafael Paulista, Léo Bartholo e Cleiton; Luan e Jabá.

Arbitragem: Rodolpho Toski Marques será auxiliado por Eduardo Luis Teixeira Furiatti e Alessandro Rodrigues Mori.

Sassá - Londrina - Coritiba - Campeonato Paranaense

Sassá marca e Coritiba vira sobre o Londrina no Paranaense

Com o primeiro gol de Sassá com a camisa alviverde, o Coritiba virou sobre o Londrina e venceu o rival por 3 a 2 na tarde deste domingo (2), assumindo provisoriamente a vice-liderança do Campeonato Paranaense.

O duelo válido pela quinta rodada do Campeonato Paranaense foi realizado no Estádio do Café, em Londrina.

Júnior Pirambu (duas vezes) marcou os gols do Londrina, enquanto Ruy (duas vezes) e Sassá (em cobrança de pênalti) marcaram para o Coritiba.

O Coritiba chegou aos 11 pontos ganhos e fica apenas um abaixo do FC Casvavel, atual líder do Paranaense. Vale lembrar que o Athletico Paranaense joga o clássico contra o Paraná Clube ainda neste domingo e caso vença o jogo, ultrapassa o Coritiba.

Já o Londrina caiu para a quinta posição com nove pontos ganhos.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo no próximo final de semana pela sexta rodada do Campeonato Paranaense.

O Coritiba recebe o União, no Couto Pereira, no sábado (8), às 17h.

Já o Londrina recebe o Cascavel C.R. no Estádio do Café, às 17h.

RUY X JÚNIOR PIRAMBU

Júnior Pirambu - Londrina - Coritiba - Campeonato Paranaense
Júnior Pirambu marcou pela primeira vez com a camisa do Londrina dois gols no mesmo jogo. )Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube)

A primeira chance do jogo foi do Londrina aos 11 minutos. Marcelinho arriscou da entrada da área e Alex Muralha conseguiu cair para fazer a defesa.

Nova chance do Londrina aos 14 minutos. Uelber avança pela esquerda e bate cruzado. Júnior Pirambu chegou um pouco atrasado e William Matheus fez o corte.

Mas aos 25 minutos, Júnior Pirambu não desperdiçou a chance. Marcelinho cruzou rasteiro da direita e o atacante completou de carrinho para o fundo do gol.

O Coritiba buscou o empate aos 34 minutos, contando com a sorte a seus favor. Ruy recebeu na entrada da área e arriscou o chute, a bola desviou em Willian Correia e matou Matheus Albino no lance.

Só que o Londrina contava com Júnior Pirambu. Aos 39 minutos, o atacante recebeu na entrada da área e finalizou da entrada da área com um belo chute no ângulo direito.

No último lance do primeiro tempo, Matheus Bueno foi derrubado por Uelber perto da área. Ruy foi para a cobrança e bateu firme, Matheus Albino chegou a tocar na bola, que entrou no canto direito alto.

A primeira chance de gol do segundo tempo foi do Coritiba aos nove minutos. William Matheus foi a linha de fundo e cruzou para Sassá escorar para boa defesa de Matheus Albino.

O Coritiba seguiu na pressão e no minuto seguinte conseguiu a penalidade decisiva. Natanael cruzou e Sassá escorou novamente para Matheus Albino espalmar. No rebote o atacante foi puxado por Pastor e o árbitro assinalou a infração.

Sassá pediu a bola e bateu firme no canto esquerdo para balançar as redes e anotar o seu primeiro gol com a camisa do Coritiba.

A melhor chance do Londrina saiu aos 34 minutos. Após boa jogada de Marcelinho, Danilo recebeu na área e finalizou na rede pelo lado de fora.

Douglas Coutinho - Coritiba - Operário - Campeonato Paranaense

Douglas Coutinho empata no final e carimba estreia de Sassá no Coritiba

Com um gol de Douglas Coutinho no final do jogo, o Operário buscou empate em 1 a 1 contra o Coritiba na noite desta quarta-feira (29), e estragou a festa da torcida na estreia de Sassá.

O duelo válido pela quarta rodada do Campeonato Paranaense foi realizado no Couto Pereira, em Curitiba.

Robson abriu o placar para o Coritiba, enquanto Douglas Coutinho empatou para o Operário.

O empate deixa o Coritiba com oito pontos ganhos, na terceira posição do Paranaense, uma posição acima do Operário, quarto colocado com sete pontos.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo neste domingo (2) pela quinta rodada do Campeonato Paranaense.

O Coritiba viaja para encarar o Londrina, no Estádio do Café. O duelo será realizado às 16h.

Já o Operário recebe o Cianorte no Germano Krüger, às 16h.

O JOGO

Sassá - Coritiba - Operário - Campeonato Paranaense
Sassá foi o jogador mais reverenciado pela torcida alviverde durante a partida. (Geraldo Bubniak/AGB)

O duelo começou truncado e a primeira chance de perigo foi o Coritiba aos 31 minutos. Após bola rebatida, Rafinha dominou na área, mas foi travado no momento da finalização.

O jogo começou a caminhar para o Coritiba aos 41 minutos. Após falta para impedir a progressão de Igor Jesus, Douglas Nascimento recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso.

No minuto seguinte, o Coritiba conseguiu abrir o placar. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou na entrada da área para Robson e o atacante emendou de primeira para marcar um belo gol no Couto Pereira.

Com um a mais em campo, o Coritiba diminuiu ainda mais seu ritmo e controlou a posse de bola do jogo. Sua primeira chegada de perigo foi aos 13 minutos, quando Rodolfo finalizou de fora da área e contou com um quique do gramado para quase enganar André Luiz, que apenas viu a bola passar raspando o poste direito.

O principal momento de comemoração dos torcedores alviverdes foram aos 17 minutos, quando Sassá entrou em campo e foi ovacionado no Couto Pereira.

A melhor chance de ataque do Coritiba na segunda etapa foi aos 26 minutos. Rhodolfo fez a vez de lateral e cruzou na medida para Robson cabecear perto do poste direito.

Só que o Operário não desistiu da partida e em seu único ataque no segundo tempo buscou o empate. Na cobrança de escanteio no segundo poste de Cristhian Aguada, Douglas Coutinho apareceu sozinho e cabeceou para o chão para vencer Alex Muralha.

coritiba sassá operário paranaense

Coritiba enfrenta Operário com estreias de Rhodolfo e Renê Junior; Sassá fica no banco

O Coritiba tem novidades para enfrentar o Operário pela quarta rodada do Campeonato Paranaense 2020. O zagueiro Rhodolfo e o volante Renê Júnior farão suas estreias, enquanto o atacante Sassá fica no banco de reservas. O duelo está marcado para às 20h (horário de Brasília), desta quarta-feira (29), no Couto Pereira.

O duelo será transmitido com exclusividade pelo DAZN.

TIMES COM NOVIDADES

O técnico Eduardo Barroca segue fazendo o esquema de rodízio no elenco. Na lateral-esquerda, Caetano assume a vaga de William Matheus.

No meio campo, a lesão de Galdezani promove a entrada de Thiago Lopes, autor do gol da vitória no clássico contra o Paraná. Já os grandes destaques são o zagueiro Rhodolfo e o volante Renê Junior, que fazem sua primeira partida com a camisa alviverde.

Por fim, Igor Jesus é mantido no ataque pela falta de ritmo de Sassá. Contudo, o atacante emprestado pelo Cruzeiro até o final de 2020 deve entrar no decorrer do jogo.

Do outro lado, o Operário também tem novidade. O atacante Bustamante, que defendeu o CSA durante o Campeonato Brasileiro do ano passado, fará sua estreia. Ele formará o trio de ataque ao lado de Douglas Coutinho, emprestado pelo Athletico ao Fantasma, que já tem dois gols no Paranaense.

Além disso, outro destaque do time de Ponta Grossa é o goleiro André Luiz, que foi finalista do Estadual pelo Toledo no ano passado. Por fim, o meia Tomás Bastos defendeu o Coxa e enfrenta o ex-clube no Couto.

CORITIBA x OPERÁRIO

Data, hora e local: quarta-feira (29/01), às 20h, no Couto Pereira.

Onde assistir: DAZN.

Coritiba: Wilson; Lucas Ramon, Rhodolfo, Rodolfo Filamon e Caetano; Matheus Sales e Renê Junior; Thiago Lopes e Rafinha; Robson e Igor Jesus. Técnico: Eduardo Barroca.

Operário: Andre Luiz; Sávio, Douglas Nascimento, Sosa e Danilo; Jardel, Régis Potiguar e Tomás Bastos; Douglas Coutinho, Jefinho e Hector Bustamante. Técnico: Gérson Gusmão.

coritiba paraná paranaense

Coritiba vence o Paraná e assume vice-liderança do Paranaense 2020

O Coritiba venceu o Paraná por 1 a 0 e subiu para a vice-liderança do Campeonato Paranaense 2020. O meia Thiago Lopes, que saiu do banco de reservas ainda no primeiro tempo, marcou um golaço em cobrança de falta.

O duelo deste domingo (26) foi válido pela terceira rodada do Estadual e realizado na Vila Capanema. O estádio paranista recebeu 3.848 pagantes.

CLASSIFICAÇÃO DO PARANAENSE

Com o resultado, o Coxa chegou aos sete pontos, ultrapassou o Londrina, com seis, e aparece na segunda posição da tabela.

Já o Paraná segue com quatro pontos e aparece na sexta posição.

Na próxima rodada, o Coritiba vai receber o Operário. O jogo está marcado para a próxima quarta-feira (29), às 20h.

Já o Paraná se prepara para enfrentar o FC Cascavel na quinta-feira (30), às 19h30, na Vila.

COXA CHEGA AO GOL NA BOLA PARADA

Matheus Galdezani saiu machucado ainda no primeiro tempo. (Geraldo Bubniak/AGB)

A etapa inicial foi marcada pelas disputas físicas. Não à toa, os dois técnicos tiveram de mudar por causa de lesão.

Jhony cedeu vaga para Kaio pelo Paraná, enquanto Thiago Lopes entrou no lugar de Matheus Galdezani no Coxa.

Em chances perigosas, cada time teve uma chance. Aos 10 minutos, Raphael Alemão ficou na cara do gol e bateu por cima. Já a resposta alviverde foi aos 24, quando William Matheus cruzou e Robson cabeceou pela linha de fundo.

Na etapa final, o Coxa abriu o placar aos nove minutos, em um golaço de falta. Thiago Lopes soltou uma pancada, do lado do goleiro Alisson, e a bola carimbou a trave antes de morrer no fundo das redes.

A partir daí, a missão alviverde ficou mais fácil. Mesmo cadenciando o jogo, o lateral Bruno recebeu o cartão vermelho após falta em Welissol.

Bruno foi expulso e complicou a vida do Paraná. (Geraldo Bubniak/AGB)