liverpool west ham campeonato inglês

Liverpool vence West Ham e mantém invencibilidade no Campeonato Inglês

O Liverpool venceu o West Ham por 3 a 2, nesta segunda-feira (24), pela rodada 27 do Campeonato Inglês. Wijnaldum abriu o placar pelos Reds, mas Diop e Fornals viraram o placar pelos Hammers. Contudo, em um frangaço do goleiro Fabianski, Salah igualou tudo mais uma vez e incendiou Anfield. No final, Sadio Mané garantiu o triunfo dos mandantes.

O Liverpool segue em busca da maior série invicta da Inglaterra, que pertence ao Arsenal, com 49 jogos sem perder. Hoje os Reds conquistaram a partida de número 44. O detalhe fica por conta do desempenho do time: mesmo sem atuar tão bem, como o usual, o time comandado por Jurgen Klopp consegue vencer.

De quebra, o empate mantém a invencibilidade do Liverpool em Anfield. A última vez que a equipe perdeu com o apoio da torcida foi no dia 23 de abril de 2017. Na ocasião, o Crystal Palace triunfou por 2 a 1.

Com o resultado, o Liverpool segue na liderança isolada do Campeonato Inglês. São 79 pontos conquistados em 81 disputados, ou seja, um aproveitamento de 97%. Para se ter noção, essa é a maior campanha de um clube na história de um torneio nacional nas 27 primeiras rodadas.

Os Reds voltam a campo contra o Watford. O jogo está marcado para o no próximo sábado (29/2), às 14h30 (horário de Brasília), em Vicarage Road. No mesmo dia, só que às 12h30, o West Ham recebe o Southampton. O time londrino é o 18° colocado, com 24 pontos, e luta contra o rebaixamento.

LIVERPOOL TOMA SUSTO

Alexander-Arnold disputa a bola com o brasileiro Felipe Anderson, do West Ham. (Divulgação / Liverpool)

O Liverpool abriu o placar com oito minutos de jogo. Alexander-Arnold cruzou e Wijnaldum completou para as redes. Contudo, o West Ham empatou quatro minutos mais tarde. Snodgrass bateu o escanteio e Diop cabeceou firme para superar o goleiro Alisson.

Na etapa final, o West Ham ficou em vantagem no placar. Rice fez jogada da direita e cruzou para Fornals bater firme no canto do gol dos Reds. O Liverpool passou a pressionar e igualou tudo em uma falha grotesca do goleiro Fabianski. Robertson cruzou rasteiro da esquerda e Salah bateu fraco, rasteiro. Contudo, a bola passou entre as pernas do arqueiro e morreu no fundo das redes.

A virada saiu aos 35 minutos. Joe Gomez chutou para o gol, mas escorregou. Mesmo assim, Alexander-Arnold ficou com a bola na área e tocou para Mané, livre, completar. O senegalês chegou a marcar o quarto, mas a arbitragem anulou a jogada.

Por fim, restou o goleiro Alisson salvar o chute de Bowen com o rosto e garantir o triunfo dos Reds.

thiago silva psg borussia champions

PSG confirma lesão e Thiago Silva deve ficar de fora das oitavas da Champions

O zagueiro Thiago Silva, do PSG (Paris-Saint Germain), sofreu uma lesão no bíceps femoral da coxa direita e tem sua recuperação estimada em três semanas. A informação foi divulgada pelo clube hoje (24), após a vitória do PSG sobre o Bordeaux por 4 a 3. Ou seja, a tendência é que o defensor fique de fora do duelo decisivo contra o Borussia Dortmund pelas oitavas de final da Champions League.

O jogo da volta está marcado para o dia 11 de março (quarta-feira), às 17h (horário de Brasília), no Parque dos Príncipes, em Paris. O confronto da ida foi realizado na semana passada: Haaland brilhou pelo Borussia e garantiu a vitória por 2 a 1. Ou seja, o PSG precisa vencer os alemães para seguir vivo na Champions.

Thiago Silva se machucou sozinho aos 15 minutos do primeiro tempo contra o Bordeaux. Ele foi substituído pelo volante Gueye, fazendo com que Marquinhos voltasse à defesa. Hoje, o técnico Thomas Tuchel conta com outras quatro opções para a zaga sem improvisar: Marquinhos, Kimpembe, Tanguy Kouassi e Soh, já que Diallo também está machucado.

Por fim, Ander Herrera também foi outro desfalque confirmado pelo clube. O meio campista teve uma lesão do quadríceps esquerdo e ficará de fora do time entre 6 e 8 semanas.

PSG VOLTA A VENCER

O Paris Saint-Germain venceu após dois tropeços: além da derrota para o Borussia, o time vinha do empate por 4 a 4 com o Amiens. Contudo, o time comandado por Thomas Tuchel é líder isolado do Campeonato Francês.

São 65 pontos conquistados em 26 jogos, ou seja, um aproveitamento de 83%. Além disso, a equipe ainda tem o melhor ataque – 71 gols marcados – e a melhor defesa – 24 sofridos.

Na próxima rodada, o PSG encara o Dijon. O jogo está marcado para o próximo sábado (29/2), às 13h30, no Parque dos Príncipes. Neymar é outro desfalque do time ao cumprir suspensão pela expulsão contra o Bordeaux.

neymar psg bordeaux campeonato francês marquinhos

Neymar é expulso, mas PSG vence Bordeaux e segue com folga no Campeonato Francês

Neymar acabou expulso nos acréscimos da etapa final, mas o PSG bateu o Bordeaux por 4 a 3 neste sábado (23) e voltou a vencer após dois tropeços seguidos. Marquinhos, duas vezes, Cavani Mbappé anotaram pelo Paris, enquanto Hwang, o brasileiro Pablo e Rubén Pardo descontaram pelos visitantes. O duelo, válido pela rodada 26 do Campeonato Francês, foi realizado no Parque dos Príncipes.

O time parisiense estava há mais de uma semana sem triunfar. No meio da semana, o time perdeu por 2 a 1 para o Borussia Dortmund no jogo de ida das oitavas de final da Champions League. Já na rodada 25 da Ligue 1, a equipe do técnico Thomas Tuchel empatou, por 4 a 4, com o Amiens.

Agora, com a vitória e boas exibições, o Paris volta a ganhar confiança. A única notícia ruim foi uma lesão do zagueiro Thiago Silva, que teve de ser substituído ainda no primeiro tempo. O compatriota Marquinhos, que teve um jogo inspirado como goleador, também saiu com problemas físicos, mas não deve preocupar tanto.

Por outro lado, Cavani anotou seu gol 200 com a camisa do PSG e se isola ainda mais como maior artilheiro do clube. Quem também se destacou foi Angel Di Maria, que deu assistência para os dois primeiros gols.

Por fim, Neymar teve uma boa atuação. Não foi brilhante, mas também não teve muitas chances de marcar. Em sua melhor jogada, Cavani chutou pela linha de fundo. Contudo, no final do jogo, foi expulso após se desentender com o marcador. Foi a primeira expulsão que o PSG teve nessa edição da Ligue 1.

FOLGA NA LIDERANÇA DO CAMPEONATO FRANCÊS

Com o resultado, o PSG segue na liderança isolada da Ligue 1. São 65 pontos conquistados em 25 jogos, ou seja, tem 83% de aproveitamento. Além disso, a equipe tem o melhor ataque – 71 gols – e a melhor defesa – 23 gols – da competição.

Já o Bordeaux é 12° colocado, com 35 pontos, e segue lutando por uma vaga na próxima edição da Liga Europa.

No próximo sábado (29/03), às 13h30 (horário de Brasília), o PSG recebe o Dijón. Já no domingo (1/3), às 13h05, o Bordeaux encara o Nice.

PSG SAI ATRÁS, MAS CONSEGUE A VIRADA

neymar psg bordeaux campeonato francês marquinhos
Cavani, maior artilheiro da história do PSG, guardou mais um. (Divulgação / PSG)

O Bordeaux saiu na frente e surpreendeu o PSG no Parque dos Príncipes. Hwang completou o escanteio de Basic e cabeceou firme para as redes aos 18 minutos. O empate saiu aos 24: Di Maria cruzou da direita e Cavani apareceu entre a zaga para testar firme e anotar o gol 200 pelo clube.

Depois, aos 28 minutos, Cavani carimbou a trave dos visitantes. Ele recebeu outro cruzamento de Di Maria, mas dessa vez deu um toque de letra para acertar o poste do Bordeaux. O Paris seguiu melhor e quase virou em boa jogada de Neymar. O brasileiro acionou Mbappé na velocidade, mas o camisa 7 viu o goleiro Costil defender o chute rasteiro.

A virada do PSG saiu nos acréscimos. Na cobrança de falta, Di Maria levantou a bola na área e Marquinhos subiu bem para testar para as redes. O PSG sofreu o empate em uma vacilada geral no último lance do primeiro tempo. Verratti recuou a bola para o goleiro Sergio Rico, que foi dar um chutão e carimbou o zagueiro Pablo. A bola bateu no brasileiro e entrou.

Na etapa final, o Paris desperdiçou um caminhão de gols, principalmente com Cavani. O atacante uruguaio teve pelo menos três grandes oportunidades, mas uma delas o zagueiro Marquinhos completou o rebote para colocar os mandantes em vantagem.

Depois, o camisa 9 aproveitou o vacilo de Basic na saída de bola e rolou para Mbappé bater firme com o gol escancarado. O Bordeaux diminuiu com um golaço de Rubén Prado, em uma pancada de fora da área, mas não evitou a derrota.

athletico desmanche bbb dorival junior

Dorival Júnior brinca sobre o desmanche do Athletico-PR: “parece BBB”

Dorival Júnior comparou o desmanche que o Athletico-PR sofreu no início de 2020 ao BBB (Big Brother Brasil). Ao todo, 17 jogadores que integravam o elenco em 2019 deixaram o clube nesta janela de transferências (confira a lista abaixo).

“Eu brinquei com o Paulo [André, diretor de futebol], que estava parecendo Big Brother, que a cada semana eliminamos um atleta”, brincou ele após a goleada sobre o Cascavel CR.

Dorival também confessou que, quando aceitou o cargo no clube, só imaginava perder o meio campista Bruno Guimarães, atualmente no Lyon, da França. Contudo, titulares como o zagueiro Léo Pereira, agora no Flamengo, e o atacante Rony, anunciado no Palmeiras, também saíram.

“Não vou criticar a escolha da diretoria, mas tivemos uma quebra daquela equipe que já tinha um conceito muito bem desenvolvido gerando resultados. Agora temos que buscar uma nova solução e não encontraremos isso do dia para a noite”, completou Dorival, ressaltando que a visão do clube que a equipe ainda está em formação.

A próxima partida do Athletico-PR é a estreia da Libertadores. O Furacão vai receber o Peñarol, do Uruguai, no dia 3 de março (terça-feira), às 21h30, na Arena da Baixada, em Curitiba. A princípio, os quatro atletas que chegaram no clube em 2020 estão à disposição: o goleiro Jandrei, os meias Fernando Canesin e Marquinhos Gabriel, além do atacante Carlos Eduardo.

DESMANCHE DO ATHLETICO

Rony foi a saída mais recente do Furacão. (Geraldo Bubniak / AGB)

Ao todo, são 24 atletas se despediram do Athletico, sendo que seis deles já estavam emprestados no ano passado.

Comprovando a postura do clube no mercado – em buscar opções baratas ou empréstimos, a maioria dos jogadores tiveram o fim do seus empréstimos. É o caso, por exemplo, do zagueiro Pedro Henrique e do volante Camacho, que voltaram ao Corinthians.

Além disso, Athletico faturou R$ 152,8 milhões com as três vendas que fez. A saída de Bruno Guimarães rendeu R$ 92 milhões (20 milhões de euros), enquanto Léo Pereira foi vendido por R$ 32,4 milhões (7 milhões de euros) e Rony por R$ 28,4 milhões (6 milhões de euros).

Confira a lista de quem saiu do Athletico-PR.

VENDAS

  1. Bruno Guimarães (meia) – vendido ao Lyon.
  2. Rony (atacante) – vendido ao Palmeiras.
  3. Léo Pereira (zagueiro) – vendido ao Flamengo.

FIM DE EMPRÉSTIMO

  1. Marco Ruben (atacante) – retornou ao Rosario Central.
  2. Pedro Henrique (zagueiro) – retornou ao Corinthians.
  3. Camacho (volante) – retornou ao Corinthians.
  4. Madson (lateral-direito) – vendido do Grêmio ao Santos.
  5. Thonny Anderson (meia) – vendido do Grêmio ao Bragantino.
  6. Bruno Nazário (meia) – fim do empréstimo do Hoffenheim e hoje está no Botafogo.
  7. Everton Felipe (meia) – fim do empréstimo do São Paulo e hoje está no Cruzeiro.
  8. Tomás Andrade (meia) – fim do empréstimo e hoje está no Argentinos Juniors.
  9. Braian Romero (atacante) – retornou ao Independiente.

FIM DE CONTRATO

  1. Marcelo Cirino (atacante) – não renovou e acertou com o Chongqing Lifan, da China.
  2. Bruno Rodrigues (atacante) – não renovou e está na Ponte Preta.
  3. Lucas Macanhan (goleiro) – não renovou e está no São Bento.
  4. Julian (meia) – rescisão de contrato.
  5. Crysan (atacante) – rescisão de contrato.
  6. Gabriel Poveda (atacante) – rescisão de contrato.

EMPRESTADOS

  1. Caio (goleiro) – emprestado ao Água Santa-SP.
  2. Nicolas (lateral-esquerdo) – emprestado ao Atlético-GO.
  3. Reginaldo (lateral-direito) – emprestado ao Atlético-GO.
  4. João Pedro (meia): emprestado ao Atlético-GO.
  5. Douglas Coutinho (atacante): emprestado o Operário-PR.
  6. Abner Felipe (lateral-esquerdo): emprestado ao Água Santa.
flamengo boavista taça guanabara

Flamengo é campeão da Taça Guanabara com gol de Gabigol

O Flamengo é campeão da Taça Guanabara 2020 após vencer o Boavista por 2 a 1, de virada. Jean abriu o placar pelos visitantes, mas Diego Ribas e Gabigol decretaram o título rubro-negro. O duelo deste sábado (22) foi realizado no Maracanã.

Esse é o segundo título do Fla em 2020. Antes, o time comandado por Jorge Jesus havia conquistado a Supercopa do Brasil ao superar o Athletico-PR.

Além disso, o Flamengo pode levantar o terceiro troféu na próxima quarta-feira (26). O clube carioca recebe o Independiente Del Valle, campeão da Copa-Sul Americana 2019, no Maracanã. O jogo está marcado para às 21h30.

Na ida, o jogo terminou empatado por 2 a 2. Ou seja, uma vitória rubro-negra vai selar uma série de cinco títulos do Flamengo.

Desde que Jorge Jesus chegou, o Fla conquistou:

  • Campeonato Brasileiro 2019;
  • Libertadores 2019;
  • Supercopa do Brasil 2020;
  • Taça Guanabara 2020.

FLAMENGO TOMA SUSTO, MAS É CAMPEÃO

Diego incendiou o Maracanã no gol de empate. (Alexandre Vidal e Paula Reis / Flamengo)

O Boavista surpreendeu o Flamengo e abriu o placar com quatro minutos. Jefferson Renan driblou Léo Pereira, que optou por derrubar o adversário. Contudo, Jean foi para a cobrança de falta e acertou a gaveta do gol defendido por César.

Os visitantes quase ampliaram aos 11, de novo em cobrança de falta. Jean bateu bem, mas o goleiro flamenguista conseguiu se esticar e praticar a defesa.

Após a parada técnica, o Fla começou a melhorar. Pedro cabeceou com perigo, mas a bola saiu pela linha de fundo. Depois, o goleiro Klever fez uma defesaça no chute desviado de Michael.

Aos 43, saiu o gol de empate. Vitinho cobrou o escanteio para Diego Ribas, que bateu firme. A bola sofreu um desvio e encobriu o camisa 1 do Boavista.

Na etapa final, o Flamengo aumentou a pressão com as entradas de Willian Arão e Everton Ribeiro. Pedro, Michael e Vitinho pararam em Klever, mas o Rubro-Negro martelou e chegou ao gol com Gabigol. Everton Ribeiro encontrou Pedro, que deu um toque de letra para Gabigol bater firme e dar o título ao Flamengo.

No final, Pedro recebeu de Everton Ribeiro e finalizou com a coxa, mas a bola saiu pela linha de fundo.

athletico cascavel libertadores

Athletico goleia o Cascavel CR no último teste do time principal antes da Libertadores

O Athletico-PR goleou o Cascavel CR (Clube Recreativo) por 5 a 1 e ganhou confiança no último teste do time principal antes da estreia na Libertadores 2020. Nikão e Guilherme Bissoli, duas vezes cada, e Carlos Eduardo anotaram pelo Furacão, enquanto Rone descontou pelos visitantes. O duelo deste sábado (22), válido pela oitava rodada do Campeonato Paranaense, foi realizado na Arena da Baixada, em Curitiba, e contou com um público de 9.462 pessoas.

O clube optou em colocar a equipe comandada por Dorival Júnior em campo para aprimorar o ritmo dos principais atletas. O objetivo deu certo e dá moral ao time, que ainda não havia vencido. Vale lembrar que o Furacão estreia na Libertadores no dia 3 de março (terça-feira), contra o Peñarol, na Arena da Baixada.

Os principais destaques foram a estreia do goleiro Jandrei e as ótimas atuações de Carlos Eduardo e Guilherme Bissoli. Os atacantes tiveram um bom entrosamento e criaram as principais chances do Furacão no jogo.

Já o meia Nikão, um dos poucos remanescentes na equipe, também brilhou e ganha moral.

ATHLETICO BRIGA PELA LIDERANÇA NO PARANAENSE

Com o resultado, o Athletico-PR chega aos 16 pontos e aparece na vice-liderança do Campeonato Paranaense.

O Coritiba, que venceu o Cianorte, lidera o Estadual com 17 pontos. Contudo, o FC Cascavel, com 16 pontos, está enfrentando o Toledo e pode ultrapassar a dupla AtleTiba.

Na próxima rodada, o Athletico encara o Operário fora de casa. O jogo está marcado para o domingo (1/3), às 16h, no estádio Germano Kruger. Já o Cascavel CR se prepara para receber o Cianorte no estádio Arnaldo Busatto.

FURACÃO SOFRE SUSTO, MAS VENCE BEM

Thiago Heleno deu assistência para o gol de Nikão. (Divulgação / Athletico)

O Athletico-PR abriu o placar logo aos três minutos. Thiago Heleno fez ótimo lançamento e Nikão dominou bem para bater firme.

O time quase ampliou com Guilherme Bissoli, mas o goleiro Fernando salvou a cabeçada do atacante. Contudo, o Cascavel CR chegou ao empate em bela jogada de Rone. O atacante deixou três marcadores para trás e superou o goleiro Jandrei.

Bissoli viu Fernando praticar mais uma defesa, mas chegou às redes em sua terceira oportunidade. O atacante apenas empurrou a bola para o gol, completando a jogadaça de Carlos Eduardo pela ponta esquerda.

Na etapa final, o Cascavel se complicou aos 18 minutos, quando o zagueiro Fernando Dias foi expulso. A partir daí, o Athletico deslanchou.

Primeiro, Bissoli subiu bem e cabeceou firme após o cruzamento de Adriano. Depois, Carlos Eduardo soltou uma pancada e anotou um golaço.

Por fim, já nos acréscimos, Nikão fechou a conta com um gol de peito, completando o cruzamento.

corinthians água santa campeonato paulista

Corinthians perde para o Água Santa pelo Campeonato Paulista

O Corinthians perdeu, de virada, para o Água Santa por 2 a 1 e desperdiçou chance de se tornar líder isolado do Grupo D do Campeonato Paulista. Vágner Love abriu o placar no início do jogo, mas os donos da casa igualaram com o meia Luan Dias e viraram com Robinho na etapa final.

O duelo, realizado na Arena Inamar, em Diadema, teve um público de 3.058 pessoas pagantes, enquanto a renda foi de R$ 220.490, 00.

Com o resultado, o Corinthians segue com oito pontos e aparece na segunda posição do Grupo D. A chave é liderada pelo Guarani, com nove pontos. Contudo, o Bragantino pode assumir a ponta amanhã (23), quando enfrenta o Santo André.

O revés ainda aumenta a pressão sobre o técnico Tiago Nunes, que sofreu a eliminação da Libertadores para o Guaraní, do Paraguai, na última quarta-feira.

CORINTHIANS COMEÇA BEM, MAS SE COMPLICA

O início de jogo do Corinthians foi em grande nível. Aos nove minutos, Vágner Love completou o cruzamento de Fágner e abriu o placar.

Contudo, o Água Santa igualou em sua primeira chegada. Luan Dias aproveitou a falha da defesa e bateu firme.

Já na etapa final, o jogo seguiu equilibrado até os 34 minutos. Camacho impediu o contra-ataque do Água Santa e recebeu o cartão vermelho, deixando o Timão com um a menos.

No final do jogo, quando tudo parecia encaminhado para o empate, Robinho definiu o revés corintiano.

PRÓXIMOS JOGOS

Os times voltam a campo pelo Campeonato Paulista durante a próxima semana.

O Corinthians se prepara agora para encarar o Santo André. O duelo está marcado para a próxima quarta-feira (26), às 21h30, em Itaquera.

Já o Água Santa visita o Guarani na próxima sexta-feira (28), às 19h15, no estádio Brinco de Ouro, em Campinas.

barcelona eibar messi campeonato espanhol champions

Barcelona goleia o Eibar com quatro gols de Messi

Com quatro gols de Lionel Messi e um do brasileiro Arthur, o Barcelona massacrou o Eibar por 5 a 0 e assumiu a ponta da tabela do Campeonato Espanhol. O argentino encerrou o jejum de quatro jogos e dá confiança ao time antes do mata-mata da Champions League.

66.970 pessoas acompanharam o duelo, válido pela rodada 25 de La Liga, no Camp Nou.

Além disso, outro destaque é a estreia do atacante Martin Braitwhite, a nova contratação do Barcelona que foi anunciado há dois dias. O dinamarquês, que estava no Leganés e tinha oito gols em 27 jogos nesta temporada, fez a jogada do quinto gol e deixou uma boa impressão. Vale lembrar que o Barça só contratou o jogador pelas lesões sérias de Luis Suárez e Ousmane Dembelé.

Com o resultado, o Barça chega aos 55 pontos e assume, de forma provisória, a liderança do torneio nacional. Contudo, o time comandado por Messi pode ser ultrapassado pelo Real Madrid caso os merengues vençam o Levante. O jogo acontece às 17h (horário de Brasília) deste sábado (22).

PRÓXIMOS JOGOS

Os times voltam a campo, pelo Campeonato Espanhol, no próximo final de semana. O Eibar vai receber o Levante no sábado (29/2), às 9h, no Estádio Municipal de Ipurua.

Já no domingo (1/3), às 17h, o Barcelona protagoniza El Clásico contra o Real Madrid. O duelo será realizado no estádio Santiago Bernabéu, na capital espanhola.

Contudo, o Barcelona se prepara para o jogo contra o Napoli, pelas oitavas de final da Champions League. O duelo será realizado na próxima terça-feira (25), às 17h.

MESSI DEFINE TRIUNFO DO BARCELONA

Messi teve grande exibição contra o Eibar. (Divulgação / Barcelona)

O Eibar abriu o placar contra o Barcelona aos três minutos, mas a arbitragem pegou impedimento de Enrich após o camisa 9 completar o cruzamento de Cote.

Contudo, Messi apareceu 10 minutos depois. O argentino recebeu na entrada da área, deu uma caneta em Arbilla e tirou Diop antes de bater firme para as redes.

O segundo saiu aos 36, quando ele recebeu passe de Vidal e chutou cruzado para ampliar o placar.

Já o terceiro saiu em uma jogada de solidariedade do camisa 10. A defesa do Eibar vacilou e Messi ficou com a bola limpa para finalizar, mas preferiu o passe para Griezmann. O francês acabou desarmado, mas a bola voltou para o argentinho, que deu um toque rápido para definir o triunfo catalão.

Na etapa final, o Barcelona perdeu ritmo, mas Ter Stegen defendeu os chutes de De Blasis e Inui. Contudo, os donos da casa também criaram boas chances. Umtiti e Vidal tiveram gols anulados, mas Messi e Arthur fecharam o marcador.

Rafinha - Coritiba - Cianorte - Campeonato Paranaense

Coritiba vence Cianorte e assume liderança provisória do Paranaense

Com uma grande atuação de Rafinha abaixo de forte chuva, o Coritiba bateu sem dificuldades o Cianorte por 2 a 0 na noite desta sexta-feira (21), reassumindo a liderança do Campeonato Paranaense de forma provisória.

O duelo válido pela oitava rodada do Campeonato Paranaense foi realizado no Couto Pereira, em Curitiba.

Rafinha e Robson marcaram os gols da vitória do Coritiba.

O Coritiba chegou aos 17 pontos e precisa agora torcer por ao menos um empate do FC Cascavel contra o Toledo neste sábado (22).

Já o Cianorte chegou ao quarto jogo sem vencer e com isso corre risco de ser ultrapassado pelo Cascavel C.R. e cair para a nona posição do Paranaense. A equipe do oeste do Paraná viaja para encarar o Athletico Paranaense neste sábado (22).

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo no próximo final de semana pela nona rodada do Campeonato Paranaense.

O Coritiba viaja para encarar o Toledo, no 14 de Dezembro, no próximo sábado (29), às 20h.

Já o Cianorte recebe o FC Cascavel no Albino Turbay, no próximo domingo (01), às 16h.

RAFINHA BRILHA DEBAIXO D’ÁGUA

Rafinha - Coritiba - Cianorte - Campeonato Paranaense
Gol, assistência, bola no travessão e muita habilidade do meia mesmo com forte chuva no Couto Pereira. (Geraldo Bubniak/AGB)

O Coritiba criou a primeira chance de perigo do jogo, logo aos dois minutos. Thiago Lopes encontrou Sassá na área e o centroavante fez a parede para a finalização de Robson, que passou perto do poste direito.

Matheus Galdezani levou perigo a meta de Bruno aos 20 minutos. O volante arriscou da intermediária e a bola passou com perigo sobre o gol.

A pressão do Coritiba surtiu resultado e aos 33 minutos Rafinha abriu o placar. O meia cobrou falta perto da lateral da área direto ao gol, Bruno ainda tentou espalmar, mas a bola já estava dentro do gol quando o goleiro tocou nela.

Rafinha novamente foi decisivo para o Coritiba. Aos 43 minutos, o meia bateu falta lateral para a pequena área e Robson ganhou da marcação pelo alto para escorar firme para o fundo das redes.

O jogo caiu de nível do segundo tempo, mas o Coritiba continuou no controle das ações. Aos 13 minutos, Yan Couto cruzou na medida para Robson escorar com muito perigo à esquerda da meta.

O Cianorte criou sua primeira chance de perigo aos 15 minutos. Júnior Prego arriscou da intermediária e Alex Muralha teve que se esticar para dar um tapa na bola.

A dupla Rafinha e Robson quase marcou o terceiro gol do Coritiba aos 20 minutos. O meia novamente deu bom passe para o companheiro, que viu Bruno adiantado e tentou a finalização por cobertura, com a bola passando perto do travessão.

Rafinha seguiu levando perigo ao gol do Cianorte. Aos 25 minutos, o meia roubou bola já na entrada da área e tentou surpreender Bruno com um toque de cavadinha, acertando o travessão do goleiro.

Brasil - Uruguai - Petrovic - Copa América de Basquete - São José dos Pinhais

Brasil vence Uruguai na estreia da Copa América Masculina de Basquete

A seleção brasileira começou com vitória sua campanha na Copa América de Basquete. A equipe comandada por Aleksandar Petrovic bateu o Uruguai por 83 a 72 na noite desta sexta-feira (21), em duelo realizado no Ginásio Max Rosenmann, em São José dos Pinhais.

Mesmo em véspera de feriado e com forte chuva, o Ginásio Max Rosenmann contou com excelente público, que praticamente lotou os 4.500 lugares do espaço em São José dos Pinhais.

Os destaque do Brasil na partida foram os alas Leo Demétrio (15 pontos e 4/8 nas bolas de três) e Jhonathan (15 pontos e nove rebotes), além do pivô Rafael Mineiro (duplo-duplo com 13 pontos e 11 rebotes).

Já do lado uruguaio os destaques foram os armadores Bruno Fitipaldo (19 pontos) e Luciano Parodi (18 pontos e 4/8 nos chutes de três pontos.

REVANCHE JÁ NA SEGUNDA

O Uruguai terá a chance de dar o troco na seleção brasileira já nesta segunda-feira (24). As equipes voltam a se enfrentar pela segunda rodada do Grupo B da Copa América de Basquete, com o duelo sendo realizado em Montevidéu.

A partida irá começar às 21h, tendo transmissão do SporTV 2. Após esse confronto, o Brasil só irá entrar em quadra em novembro, quando irá receber (ainda sem sedes definidas) as seleções do Paraguai e do Panamá.

VITÓRIA SUADA

Brasil - Uruguai - Petrovic - Copa América de Basquete - São José dos Pinhais
Uruguai incomodou o Brasil, principalmente no primeiro tempo, com um forte jogo do perímetro. (Thierry Gozzer/CBB)

O Brasil iniciou dominante a partida, com um arrancada de nove pontos sem resposta, chegando a abrir 15 x 3 no marcador. Só que Parodi anotou 16 pontos na parcial e comandou a reação uruguaia, que ainda contou com 5/7 nos arremessos de três, virando o placar para 23 a 22 ao final do período.

O segundo quarto foi dominado pelas defesas. Ao invés dos 45 pontos anotados na primeira parcial, apenas 30 foram computados nesse período pautado pelo equilíbrio e decidido somente nos minutos finais. Com o placar apertado, Leo Demétrio converteu duas bolas de três nos minutos finais e o Brasil foi para o intervalo com um ponto de vantagem.

O terceiro quarto foi o mais consistente do Brasil na partida. Com uma arrancada de sete pontos seguidos e Jhonathan finalizando a parcial com oito pontos anotados, a seleção brasileira conseguiu recolocar dez pontos de vantagem no marcador, fechando o período com 28 x 23.

O Uruguai tentou reagir no início da última parcial, chegando a diminuir o marcador para apenas quatro pontos. Mas a seleção brasileira recuperou seu ritmo, finalizando a partida com uma arrancada de 14 a 7 para garantir a vitória na estreia da competição.