Operação contra o tráfico prende 11 suspeitos na região de Curitiba

Redação

operação presos tráfico polícia civil região de Curitiba

11 pessoas foram presas durante uma operação da Polícia Civil do Paraná nos municípios de Almirante Tamandaré, Itaperuçu e Rio Branco do Sul, todos na Região Metropolitana de Curitiba, Nesta terça-feira (11). Segundo a corporação, eles pertencem a um grupo suspeito de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro e que já teria faturado cerca de R$ 5 milhões.

Além dos 11 presos, a polícia também apreendeu sete veículos, um revólver de calibre 357, dinheiro e drogas. Foram encontradas porções de cocaína, crack e maconha durante o cumprimento de 13 mandados de busca e apreensão.

Segundo a PCPR, a suposta quadrilha movimenta mais de R$ 100 mil por mês com o tráfico e conta com 15 pessoas, ou seja, outros quatro indivíduos ainda são procurados. A organização também mantinha uma empresa de construção civil e uma madeireira como fachadas para lavar o dinheiro.

O delegado Cassiano Aufiero afirma que foram encaminhadas à Justiça solicitações para o bloqueio das contas e a quebra dos sigilos fiscais e bancários dos investigados.

“As empresas utilizadas pela quadrilha para lavar o dinheiro oriundo do tráfico estão sendo fechadas. Agora o próximo passo é no sentido de analisar todas as apreensões efetuadas para que consigamos comprovar ainda mais o envolvimento de todos com a quadrilha bem como identificar outras pessoas que possam estar envolvidas”, diz ele.

OPERAÇÃO DA PCPR NA REGIÃO DE CURITIBA FOI RESULTADO DE INVESTIGAÇÃO DE 4 MESES

A polícia divulgou que as investigações sobre o esquema de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro na Região Metropolitana de Curitiba se iniciaram há quatro meses. Na época, 15 pessoas foram identificadas como suspeitas de integrar a organização criminosa.

A operação desta terça-feira (11), que resultou em 11 presos, teve a participação de 100 policiais civis, cães farejadores e um helicóptero da PCPR. Além disso, o Ministério Público e Poder Judiciário também apoiaram a operação.

Previous ArticleNext Article