Paraná registra dez mortes nas estradas federais durante feriado

Mariana Ohde


Dez pessoas morreram em acidentes nas rodovias federais durante o feriado prolongado de Finados no Paraná. Outras 115 pessoas ficaram feridas. O balanço é da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Entre quarta-feira (1º) e domingo (5), a PRF atendeu 125 acidentes no estado. 75 motoristas foram flagrados dirigindo sob efeito de bebidas alcoólicas, foram registradas 524 manobras de ultrapassagens proibidas e 6.285 veículos acima dos limites máximos de velocidade.

Além do excesso de velocidade, falta de atenção foi outra causa dos acidentes que resultaram em mortes durante o feriado prolongado no Paraná.

Das dez mortes registradas, cinco aconteceram em um único acidente, no início da manhã de domingo (5), em Curitiba. Um veículo Citroën Xsara Picasso que transitava pela Linha Verde no sentido Fazenda Rio Grande invadiu a pista contrária e atingiu um Ford Corcel II que transitava no sentido Colombo.

Todos os três ocupantes do Corcel ficaram presos nas ferragens e morreram no local. Dois dos quatro ocupantes do Picasso também morreram. Os carros pegaram fogo. O Corcel ficou esmagado, sob o outro veículo.WhatsApp Image 2017-11-05 at 20.31.17

Um passageiro do Picasso foi socorrido e encaminhado ao Hospital Evangélico, em Curitiba. O motorista, que fugiu do local do acidente, responderá a princípio pelos crimes de homicídio e omissão de socorro. Ele já foi identificado.

Em outro caso de destaque, um dos radares portáteis da PRF flagrou um automóvel a 219 km/h na tarde de domingo em Cascavel, na BR-467. A velocidade é praticamente o dobro limite máximo, de de 110 km/h.

O proprietário do veículo receberá uma multa no valor de R$ 880 e o condutor terá seu direito de dirigir suspenso por um período de dois a oito meses.

Brasil

Em todo o Brasil, foram mais de mil feridos em acidentes durante a Operação Finados. Os 224 acidentes deixaram 1.015 pessoas feridas e causaram 73 mortes.

A PRF registrou mais de 39 mil autos de infração pelas mais diversas irregularidades. As equipes de fiscalização localizadas em pontos estratégicos das rodovias federais flagraram mais de 4 mil motoristas que realizaram as ultrapassagens irregulares, uma das infrações que mais contribuem para mortes em acidentes de trânsito.

A PRF contou com mais de 2 mil viaturas, 700 motocicletas, 1.691 aparelhos de etilômetro (conhecido como bafômetro) e 210 radares portáteis. Ao todo, foram fiscalizados mais de 56 mil pessoas e mais de 59 mil veículos, sendo que mais de 2 mil motoristas foram flagrados sem cinto de segurança e outros 706 motoristas foram flagrados dirigindo após ingerir bebida alcoólica.

Nesse período de operação, foram realizados 31.241 testes do bafômetro.

Além da fiscalização para reduzir a violência no trânsito, a PRF também atuou no combate ao crime nas rodovias federais, contabilizando 547 pessoas detidas em todo o Brasil. Foram apreendidos mais de 773 mil quilos de maconha, 13,7 quilos de cocaína, 19 mil pacotes de cigarros, 83 armas de fogo, e recuperados 109 veículos roubados.

Previous ArticleNext Article
Mariana Ohde
Repórter no Paraná Portal