Mais de 54 mil veículos estão com IPVA atrasado em Maringá

Segundo levantamento mais recente da Secretaria da Fazenda do Paraná, referente a março deste ano, 136,8 mil veículos de..

Fernanda Bertola - Metro Maringá - 06 de junho de 2018, 10:05

Foto ilustrativa: PMM
Foto ilustrativa: PMM

Segundo levantamento mais recente da Secretaria da Fazenda do Paraná, referente a março deste ano, 136,8 mil veículos de Maringá, 64,8% dos 211 mil tributados estão com o IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) quitado.

Outros 54.881 veículos ainda estão com o imposto de 2018 em atraso.

Do lançamento de R$ 178,8 milhões, R$ 42 milhões, 23,5% do total, ainda não foram pagos. No mesmo mês do ano passado, 22,38% do lançamento não tinha sido arrecadado.

“Geralmente, quem atrasa já tem outro IPVA em aberto. Mas ao longo do ano conseguimos receber boa parte disso. As pessoas precisam vender o carro ou precisam de certidões negativas e por isso acabam pagando o imposto”, diz a inspetora de Arrecadação da Receita Estadual de Maringá, Lucy Mara Benites Ungari.

O calendário para o pagamento do imposto teve início em 10 de janeiro, com prazo final em 23 de março. Quem pagou cota única ganhou desconto de 3%.

O contribuinte que ainda não fez o pagamento deve entrar no site da Secretaria da Fazenda para gerar a guia de recolhimento. Para isso, é necessário o número do Renavam (Registro Nacional de Veículos Automotores).

O chefe do setor de IPVA da Inspetoria da Central de Arrecadação, Marcos Torres, explica que o imposto de 2018 não pode mais ser parcelado, mas é possível fazer o parcelamento de débitos de anos anteriores.

Sobre o valor em aberto, incide multa de até 10%, além de juros e correção pela Selic, a taxa básica de juros.

A apreensão do veículo pode ocorrer na falta do CRLV (Certificado de Registro de Licenciamento Veicular), conforme o Código Brasileiro de Trânsito. O CRLV é documento de porte obrigatório do veículo e na forma original, sendo emitido e enviado pelos Correios após a quitação do licenciamento e de todos os demais débitos, como multas e IPVA.

Paraná

Os lançamentos para 4,3 milhões de veículos tributados no Estado chegaram a R$ 3.240.442.619,90, total 3,57% maior que o de 2017. Conforme o levantamento, 25,78% desse valor (R$ 835.386.107,41) ainda não foi arrecadado.

Em março do ano passado, eram 1.295.894 veículos com imposto sem pagar, cujos débitos alcançavam R$ 767.702.034,94. Com relação ao IPVA de 2017, R$ 44.553.228,36 ainda estão pendentes, aproximadamente 7,8% do valor lançado para o ano.

A Secretaria da Fazenda ressalta que depois da data de vencimento do licenciamento (no segundo semestre de cada ano), os percentuais históricos de inadimplência caem, ficando em torno de 10% para o IPVA do exercício corrente e chegando próximo de 2% ao final de cinco anos.