Nove pessoas são denunciadas por desviarem safra de colégio agrícola

Alexandra Fernandes


Nove pessoas foram denunciadas pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR) por envolvimento em desvio de parte da produção do Colégio Agrícola de Arapoti, na região dos Campos Gerais do estado. As ações são resultado da Operação Usurpador, que foi deflagrada em abril deste ano pelo Ministério Público.

As investigações apontaram que os envolvidos, montaram um esquema para repassar parte das safras para benefícios de parentes, servidores e empresários da região. Os desvios aconteciam nas lavouras de soja, milho e eucalipto.  Também foram constatadas irregularidades em licitações para a compra de insumos agrícolas.

Os denunciados devem responder por organização criminosa, peculato e fraude em licitação. Com o esquema o MP estima que quase R$ 195 mil foram desviados da instituição, que é mantida com recursos públicos.

 

Previous ArticleNext Article