Montanhista é encontrado morto após ficar desaparecido por 12 dias

Lucian Pichetti - CBN Curitiba

O montanhista Renato Rafael Coldibeli, de 39 anos, foi encontrado morto na madrugada de sábado (8). O corpo deu entrada no Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba às 5h55.

Ele foi localizado próximo a um rio em Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba.

Rafael, que era conhecido como Jimo, estava desaparecido há 12 dias. No dia 27 de novembro ele saiu do trabalho, no Centro de Curitiba, e foi em direção ao caminho do Itupava. Desde então, amigos se mobilizaram nas buscas para tentar encontrar Jimo.

De acordo com o IML, a causa da morte não foi esclarecida até o momento e o corpo deve passar por exames. Pouco antes de desaparecer, o montanhista postou uma mensagem em uma rede social na qual ressaltava a importância da família.


O Caminho do Itupava fica em Quatro Barras, a 25 km da capital. A trilha histórica é uma das preferidas dos montanhistas. Ela foi aberta entre 1625 e 1654 por indígenas e mineradores para ligar Curitiba a Morretes, no litoral.

Post anteriorPróximo post
Comentários de Facebook